Lição 13 As Promessas Bíblicas para os Salvos - Subsídios Dominical

Breaking

Home Top Ad

Post Top Ad

Novos Subsídios Bíblicos para as lições  O corpo de Cristo, 1° trimestre de 2024


Lição 13 As Promessas Bíblicas para os Salvos

Lições Bíblicas Adolescentes 1° trimestre de 2024 – CPAD

Título: A História da Salvação

Comentarista: Thaís A. G. de Paula Martins

LEITURA BÍBLICA

João 14.1-3

A MENSAGEM

E o que o próprio Cristo prometeu dar a todos nós foi isto: a vida eterna. 1 João 2.25

Devocional

Segunda » Dt 28.8

Terça » Ef 1.3

Quarta » Hb 4.9

Quinta » 2 Pe 1.4

Sexta» 1Ts 4.16,17

Sábado » 2 Pe 3.9


Objetivos

COMPREENDER o que é a prosperidade bíblica;

ENTENDER quais são as principais bênçãos espirituais à disposição dos crentes;

CONHECER as bênçãos celestiais.

Ei Professor!

A Bíblia apresenta muitas bênçãos que vêm da parte de Deus para os seus filhos e filhas. Deus é um Pai bom, generoso e misericordioso. Além da maravilhosa salvação, que recebemos por sua graça, Ele ainda nos dá bênçãos espirituais, materiais e celestiais. Certamente você já recebeu alguns presentes da parte de Deus. Então, que tal fazer um exercício de gratidão? Faça uma lista das bênçãos que você recebeu de Deus nos últimos meses. Pense com carinho e reflita com atenção. Anote, mesmo as bênçãos mais simples. Após, ore ao Senhor e agradeça uma por uma. Glorifique a Deus por sua bondade.


Ponto de Partida

Chegamos à última aula do trimestre. —Glória a Deus! Você e seus alunos tiveram uma grande jornada de aprendizagem e crescimento. Antes de iniciar a lição, recorde os melhores momentos e as boas experiências que vocês tiveram nos últimos meses. Separe um tempo para celebrar, agradecer a Deus e assim, promover uma confirmação positiva da presença de cada aluno (a) na Escola Dominical. Parabenize os alunos que não tiveram nenhuma falta. Se possível, organize um lanche especial para encerrar e incentive a participação de todos no próximo trimestre.


Vamos Descobrir

Hoje vamos aprender o que Deus prometeu nos dar se formos fiéis a Ele até o fim. Trataremos, a princípio, sobre as bênçãos materiais. Quem não precisa de uma coisa ou outra? E como é bom quando as recebemos. Depois subiremos mais um degrau: estudaremos algumas bênçãos espirituais: salvação, batismo com o Espírito Santo e dons espirituais. No tópico final, subiremos outro nível e falaremos das bênçãos celestiais — as eternas — que jamais perderemos.


Hora de Aprender

I - BÊNÇÃOS MATERIAIS

Você sabe o que é a prosperidade bíblica? Prosperidade não é a ausência de problemas. Jesus disse aos discípulos que eles — por renunciarem ao mundo para servi-lo — receberiam nesta vida cem vezes mais (Mc 10.30). Ou seja, o seguidor de Jesus que é fiel é uma pessoa abençoada e próspera; entretanto, poderá enfrentar dificuldades na vida. Ser próspero, assim, significa ser bem-sucedido ou viver bem, mesmo enfrentando alguns problemas (Sl 1.3). Portanto, a pessoa próspera não é, necessariamente, aquela que possui riqueza e saúde, mas sim a que tem todas as suas necessidades de ordem espiritual e material supridas em Cristo. Jesus, os apóstolos e a igreja primitiva enfrentaram muitos momentos de dor e dificuldades. Vemos na Bíblia ensinamentos claros sobre as desaventuranças da vida cristã.

Por exemplo, em Mateus 5.11, Jesus alerta sobre os caluniadores; Paulo também instrui Timóteo acerca de uma possível perseguição (2 Tm 3.12) e compartilha que foi abandonado por seus amigos no pior momento da sua vida (2 Tm 4.16). Mesmo assim, os seguidores de Jesus nunca ficaram desassistidos a ponto de serem destruídos. Jamais! Mas sempre contaram com a presença de Deus, ainda que passando por dificuldades na vida. Isso aconteceu com eles e acontece conosco também. Que nós, como eles, em tudo sejamos gratos, independentemente dos problemas. Que possamos aprender com as palavras do apóstolo Paulo: "Sei o que é estar necessitado e sei também o que é ter mais do que é preciso. Aprendi o segredo de me sentir contente em todo lugar e em qualquer situação, quer esteja alimentado ou com fome, quer tenha muito ou tenha pouco. Com a força que Cristo me dá, posso enfrentar qualquer situação" (Fp 4.12,13).


I – AUXÍLIO DIDÁTICO

Muitos cristãos têm perguntado a si mesmos por que não são alcançados pelas bênçãos de Deus (refiro-me aqui às bênçãos materiais); quando passamos a analisar esse assunto dentro do contexto da Palavra de Deus, descobrimos, através dela, o caminho e a maneira correta através dos quais podemos alcançar e sermos alcançados pelas bênçãos que fluem de Deus.


São inúmeros os exemplos disso, tanto no Antigo como no Novo Testamento. Eles mostram Deus chamando o homem com dois objetivos: no primeiro, o propósito do Senhor é salvar a sua alma mediante o perdão. A partir daí, todas as bênçãos espirituais que estão em Cristo são liberadas (Ef 1.3). No segundo, o propósito de Deus é nos abençoar materialmente, com tudo aquilo que é necessário para suprir todas as nossas necessidades (2 Cr 14.10; Mt 19.29; Fp 4.19).


Em Deus está o poder tanto do querer como do efetuar: 'Como pensei, assim sucederá; e, como determinei, assim se efetuará’ (Is 14.24b; Fp 2.13), e em nós está o desejo: ‘... o desejo dos justos Deus o cumprirá’ (Pv 10.24b). É somente crer" (SILVA, Severino Pedro. O Crente e a Prosperidade. Rio de Janeiro: CPAD, 2001, p. 13,14)

II - BENÇÃOS ESPIRITUAIS

1. A salvação

Desfrutar da salvação em Cristo constitui- se em um grande privilégio. Você já pensou quantas pessoas vivem neste mundo, perdidas, caminhando para o Inferno? Elas, muitas vezes, acham que estão certas nas coisas que fazem, mas quando estiverem diante de Deus, no Último Dia, para serem julgadas, receberão severa condenação.


Elas sofrerão os danos da segunda morte. A primeira morte é a natural; àquela que todos enfrentaremos, caso Jesus não volte antes. A segunda morte se refere à eternidade sem Deus; ela é a condenação final, após o julgamento de Deus (Ap 20.14). Que coisa triste, não é? Entretanto, os filhos de Deus não passarão por isso. Ao contrário, viverão para sempre na presença do Pai.


2. O Batismo no Espírito Santo

Jesus prometeu que o Espírito Santo (Consolador) seria enviado para ficar conosco e isso aconteceu no dia de Pentecostes, quando todos foram cheios do poder de Deus (At 2.1-4). O Batismo no Espírito Santo é uma promessa que foi feita para todos os crentes, em todos os tempos e devemos buscá-lo constantemente, até receber (Lc 24.49; At 1.4,5; 2.39).


3. Os dons espirituais

Os cristãos têm à disposição os dons espirituais. Eles são distribuídos conforme a vontade do Senhor. Algumas pessoas acreditam que esses dons não mais existem, pois teriam cessado após a morte dos apóstolos. Entretanto, não é assim que a Bíblia nos ensina.


Jesus prometeu dons aos seus discípulos (Mc 16.16-18); Paulo ordenou que orássemos pedindo os dons (1Co 12.31). E não há versículo algum na Bíblia que mostre que eles deixaram de ser distribuídos aos crentes.


A Bíblia fala que há diversidade nos dons. Deus é quem dá os dons, de acordo com os seus propósitos, para edificação da Igreja. Você sabe quais são eles? Na Carta de Paulo à igreja de Corinto, ele menciona alguns deles.


Em 1 Coríntios 12.7-11 conhecemos nove dons, que podemos dividir em três categorias:

a) Dons de revelação:

• Palavra da sabedoria;

• Palavra da ciência;

• Discernimento de espírito;

b) Dons de poder:

• Fé;

• Dons de curar;

• Operação de maravilhas;

c) Dons de elocução:

• Profecia;

• Variedade de Línguas;

• Interpretação de Línguas;

Já na Carta aos Romanos, podemos observar uma outra lista de dons, que também são distribuídos pelo Espírito (Rm 12.6-8).

 São eles:

• Anunciar a mensagem de Deus;

• Serviço;

• Ensino;

• Trazer ânimo;

• Repartir;

• Liderança;

• Ajudar aos outros;

Quais desses dons você já pediu a Deus?


II - AUXÍLIO TEOLÓGICO

“Cremos, professamos e ensinamos que os dons do Espírito Santo são atuais e presente na vida da igreja.


O Batismo no Espírito Santo é um dom: “e recebereis o dom do Espírito Santo" (At 2.38) e é para todos os crentes: "Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos e a todos os que estão longe: a tantos quantos Deus, nosso Senhor, chamar" (At 2.39); mas os dons do Espírito Santo, ou ‘espirituais’ na linguagem paulina: ‘Acerca dos dons espirituais, não quero, irmãos, que sejais ignorantes (1 Co 12.1) são restritos.


Esses dons são capacitações especiais e sobrenaturais concedidas pelo Espírito de Deus ao crente para o serviço especial na execução dos propósitos divinos por meio da Igreja: ‘Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um para o que for útil’ (1 Co 12.7).

São recursos sobrenaturais do Espírito Santo operados por meio dos seres humanos, os crentes em Jesus, enquanto a Igreja estiver na Terra, pois, no céu, não precisaremos mais deles.


É por meio da Igreja que o Espírito Santo manifesta ao mundo o poder de Deus, usando os dons espirituais. Eles são dados à Igreja para sua edificação espiritual, seu conforto e seu crescimento espiritual” (SOARES, Esequias (Organizador). Declaração de Fé das Assembleias de Deus. Rio de Janeiro: CPAD, 2017, pp. 171,172).

III - BÊNÇÃOS CELESTIAIS

Jesus prometeu à sua Igreja um destino certo e seguro, o Céu— também chamado por Ele de "casa do meu Pai” (Jo 14.1). Um lugar preparado para todos os seus filhos fiéis. Quão maravilhoso será compartilhar de um mesmo lar com todos os santos e o nosso Senhor Jesus!


No Céu, viveremos em plena comunhão com a grande família de Deus. Lá, desfrutaremos do maná escondido e receberemos, cravado em uma pedra branca, um novo nome (Ap 2.17b); nos vestiremos com vestes brancas (Ap 3.5-6); teremos acesso a Árvore da Vida (Ap 2.7b); também receberemos um galardão que já está preparado. Essas são algumas bênçãos celestiais que estão nos aguardando na vida futura.


III - AUXÍLIO TEOLÓGICO

O apóstolo João teve uma visão. Vejamos um pequeno trecho de Apocalipse: “Então vi um novo céu e uma nova terra. O primeiro céu e a primeira terra desapareceram, e o mar sumiu. E vi a Cidade Santa, a nova Jerusalém, que descia do céu. Ela vinha de Deus, enfeitada e preparada, vestida como uma noiva que vai se encontrar com o noivo” (Ap 21.1,2).

“João viu como esta cidade gigantesca descia à nova terra criada por Deus. A cidade era um quadrado, com seus lados medindo 2.240 quilômetros e com paredes de 60 metros de altura. Feita de ouro puro, ela era decorada com todos os tipos de pedras preciosas [...]. No centro desta cidade, estava Deus, o Cordeiro entronizado. A luz que vinha do seu trono iluminava toda a cidade. Do seu trono, fluía um rio da vida cristalino [...].


O povo de Deus, formado por todos os crentes, viverá nesta cidade magnífica, descrita como uma esposa ataviada para o seu marido - pura e radiante, pronta para se unir àquele a quem ama (veja também 21.9). Em 19.7-9, o povo de Deus, a Igreja, é descrito como uma esposa que se prepara para um banquete de casamento; aqui, a nova Jerusalém também é descrita como uma noiva [...]. Temos certeza de que haverá relacionamento na nova Jerusalém - primeiramente, entre Deus e o seu povo, e em segundo lugar, entre o povo de Deus" (Comentário do Novo Testamento Aplicação Pessoal. Rio de Janeiro: CPAD, 2010, p. 913).


CONCLUSÃO

As coisas que o Senhor tem preparado para nós vão além do que podemos imaginar."... O que ninguém nunca viu nem ouviu, e o que jamais alguém pensou que podia acontecer, foi isso o que Deus preparou para aqueles que o amam” (1 Co 2.9). Por isso, como diz o hino 107 da Harpa Cristã, mantenhamo-

nos firmes nas promessas de Jesus, louvando e permanecendo na dispensação do amor dELe. Que possamos depositar a nossa confiança nas promessas do Senhor. E que a cada dia, Ele nos fortaleça para continuarmos fiéis até o fim.


Pense Nisso

Quais as vantagens de ser filho de um homem bom, muito rico e poderoso? O que esse filho ganhará? Por ser herdeiro, terá o direito de desfrutar o padrão de vida da sua família e, no final de tudo, herdará todas as coisas do pai. Da mesma maneira, os salvos em Cristo, ainda nesta vida, receberão cem vezes mais e, por fim, a vida eterna (Mc 10.30).

LIÇÕES COMPLETAS

Lições Bíblicas Adolescentes 1° trimestre de 2024 – CPAD

Título: A História da Salvação

Comentarista: Thaís A. G. de Paula Martins

LIÇÕES:

Lição 1 - Criados à Imagem de Deus

Lição 2 - Errando o Alvo

Lição 3 - Pecado: a Maior Pandemia da História

Lição 4 - Uma Promessa, uma Esperança

Lição 5 - A Missão de Israel no PLANO de Deus

Lição 6 - O Nascimento que Mudou a História

Lição 7 - O Que Jesus Fez na Cruz

Lição 8 - O Novo Nascimento e a Justificação

Lição 9 - A Santificação

Lição 10 - A Certeza da Salvação

Lição 11 - A importância da Fé

Lição 12 - Salvos para Mudar o Mundo

Lição 13 - As Promessas Bíblicas para os Salvos

 

Post Bottom Ad