Mostrando postagens com marcador Adolescentes. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Adolescentes. Mostrar todas as postagens

Aspectos do desenvolvimento social e emocional dos adolescentes

I. Aspectos do desenvolvimento social dos adolescentes
A adolescência é um período importante de autoafirmação, quando cada indivíduo cria padrões internos particulares, ao mesmo tempo em que precisa estar conectado cognitivamente e inserido socialmente no mundo que o cerca. Para ajudar os alunos, os professores de adolescentes precisam conhecer os aspectos físicos, sociais e emocionais mais importantes do desenvolvimento nesta faixa etária.

Adolescentes: Hormônios em efervescência ou falta de princípios?


O comportamento na adolescência apresenta uma etapa evolutiva peculiar ao ser humano. É um período contraditório, confuso, ambivalente, doloroso, que culmina todo o processo biopsicossocial do indivíduo. O corpo cresce, novas funções sexuais surgem, a mente se desenvolve, o ambiente se modifica, a qualidade das sensações afetivas e sexuais se transforma.

Tudo isso provoca no jovem uma série de crises que vão sendo superadas uma a uma, com maior ou menor dificuldade, sem que o desenvolvimento natural seja afetado.
VEJA TAMBÉM:
·      Princípios de ensino e aprendizado para Adolescentes – Aqui
·      A Escola Dominical e sua Influência na Vida do Adolescente – Aqui
·      O Adolescente e a Sociedade - Aqui

Não podemos compreender a adolescência estudando separadamente os aspectos biológicos, psicológicos, sociais ou culturais, pois o jovem em crise num determinado aspecto, compromete também outros papéis de sua vida, prejudicando assim, não só seu rendimento intelectual (escolar), mas também, o psicoafetivo, representado por seus relacionamentos em quaisquer ambientes que frequente.

Criando Adolescente pelo método de Deus

Até bem pouco tempo, uma das maiores preocupações com os filhos estava ligada apenas à conceituação de uma fase do desenvolvimento humano conhecida pelas mudanças físicas que provocava um conjunto de transformações biológicas marcantes — a chamada "puberdade". Contudo, paralelamente aos avanços tecnológicos, a preocupação com os indivíduos em formação foi ganhando novos focos. Surgiram, assim, muitos outros estudos sobre os possíveis riscos e novos comportamentos que tal indivíduo venha a passar.

Lição 8- Fazendo a Diferença

Lição Bíblica de Adolescentes
Trimestre: 2° de 2019
Editora: CPAD
Revista do Professor
Reverberação: Subsídios EBD
Outras Lições: Acesse Aqui
TEXTO BÍBLICO
2 Reis 23.1-4
Destaque
"Não houve antes nenhum rei como ele, que servisse a Deus, o SENHOR, com todo o seu coração, mente e força, obedecendo a toda a Lei de Moisés; e depois nunca houve outro rei igual a ele" (2 Rs 23.25).

Lição 10 – Não despreze a sua Adolescência

TEXTO BÍBLICO – 1Timóteo 4.6-16
6 Propondo estas coisas aos irmãos, serás bom ministro de Jesus Cristo, criado com as palavras da fé e da boa doutrina que tens seguido.
7 Mas rejeita as fábulas profanas e de velhas, e exercita-te a ti mesmo em piedade;
8 Porque o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, tendo a promessa da vida presente e da que há de vir.
9 Esta palavra é fiel e digna de toda a aceitação;
10 Porque para isto trabalhamos e lutamos, pois esperamos no Deus vivo, que é o Salvador de todos os homens, principalmente dos fiéis.

Princípios de ensino e aprendizado para Adolescentes

1. Mostre aos alunos a Bíblia como autoridade definitiva.
Vivemos em uma sociedade com pouquíssimos padrões e valores. Tudo o que as pessoas sentem vontade de fazer é carreto, desde que não desobedeçam à lei e sejam presos. Parece que as pessoas têm sua própria lei, sem qualquer autoridade externa para lhes dizer o que é certo ou errado. Em meio a este relativismo, faz parte da responsabilidade do professor ensinar aos adolescentes que a Bíblia é a autoridade final em relação à opiniões e práticas.

A Escola Dominical e sua Influência na Vida do Adolescente

Adolescência é a faixa etária considerada a mais difícil da vida humana, tanto por pais como por psicólogos, professores e estudiosos do assunto.
Por que seria esse o principal conceito?
Por que a maioria das pessoas nega seus favores para ajudar os pequenos quase jovens nessa fase da vida?

A verdade é que não existe preparação para lidar com adolescentes, e no lar, na vida com os pais seria onde eles deveriam encontrar amor, aceitação, paciência e orientação para enfrentar as dificuldades que invadem suas mentes e seus pensamentos continuamente, mas não acontece assim e muitos pais, por acharem que seus adolescentes já são bem crescidinhos para conduzir suas vidas, abandonam seus filhos aos ensinamentos e exemplos do mundo.

Certamente o adolescente busca um modelo para seguir, e espera encontrar esse modelo primeiramente nos seus pais, na união e ensinamentos da família, se não, ele busca experimentar outros estilos de vida em outros convívios.

Novas Lições - Leia também:
- Lições Bíblicas de Jovens – 1° Trimestre de 2018 – Acesse Aqui
- Lições Bíblicas de Adultos – 1° Trimestre de 2018 – Acesse Aqui
- Lições Bíblicas Juvenis - – 1° Trimestre de 2018 – Acesse Aqui
- Estudos Auxílios para professores da EBD – Acesse Aqui

O Adolescente e a Sociedade

Sociologicamente, as últimas gerações, têm sido classificadas em cinco grupos: Geração Baby Boomers, nascidos após a II Guerra Mundial; geração X, nascidos nas décadas de 1960 e 70; geração Y, formada por pessoas que nasceram entre os anos de 1980 e fins dos anos 90; geração Z, composta por àqueles que nasceram ao final da década de 1990 até o ano 2010 e por fim geração Alpha, representada por pessoas que nasceram após 2010.

Lição 8 - Ouvindo os Pais ou os Amigos


Lição Bíblica de Adolescentes
Trimestre: 2° de 2018
Editora: CPAD
Revista do Professor
Reverberação: Subsídios EBD
Outras Lições: Acesse Aqui
TEXTO BÍBLICO
Provérbios 17.6; Salmos 119.63
Destaque
"EU sou amigo de todos os que te temem, de todos os que obedecem às tuas leis" (SI 119.63).
LEITURA DEVOCIONAL
SEG.................................................................Nm 6.22-27
TER.................................................................ÊX 20.12
QUA...............................................................1Sm 17.48-58
QUI.................................................................1Sm 18.1-6
SEX................................................................Jó 42.1-9
SÁB...............................................................Sl 56.1-13
DOM..............................................................Pv 27.9-10
Objetivos
- Demonstrar a amizade como presente de Deus;
- Refletir sobre a influência das amizades;
- Conscientizar a respeito da amizade com os nossos pais.

MATERIAL DIDÁTICO
Quadro branco, caneta para quadro e cartões com diversas situações que serão utilizadas na dinâmica.

QUEBRANDO A ROTINA
Leve para a turma cartões com algumas situações comuns da adolescência. Peça à ciasse que escolha uma situação de cada vez para desenvolver a dinâmica. No quadro, escreva o título "Conselhos" e divida o quadro em duas colunas. Em uma coluno escreva "Pais"; na outra, “Amigos”. Cada aluno deve escrever um conselho que os pais e os amigos dariam para cada situação. Ho finai, observe se os conselhos foram os mesmas e discuta o porquê dos conselhos e quais eles acham  melhor.
ESTUDANDO A BÍBLIA
Nessa fase da vida o adolescente relativiza o valor da família em busca de independência, sendo comum o afastamento dos pais e irmãos; e se identificando mais com colegas ou outras pessoas e objetos de admiração. Isto é um grande risco para a saúde espiritual do adolescente e deve ser encarado com muita seriedade.

Caro professor, nossos filhos passam por esse momento e nem sempre conseguimos nos colocar do outro lado da situação. A melhor mane ira de protegê-los é tornando-se amigo dos seus filhos, dedicando seu tempo e amor a eles. A vida moderna tem roubado nosso tempo com nossos filhos e isso é um dos grandes fatores que estão transformando negativamente essa geração. Que o Senhor nos dê sabedoria para administrar o tempo, pois, afinal, existe tempo para todas as coisas, mas infelizmente, e muitas vezes, não o usamos como convém.

Lição 2: Há Algo Errado com a Família?

Lição Bíblica de Adolescentes
Trimestre: 2° de 2018
Editora: CPAD
Revista do Professor
Reverberação: Subsídios EBD
Outras Lições: Acesse Aqui
TEXTO BÍBLICO
Romanos 1.18-32
Destaque
"E, como não querem saber do verdadeiro conhecimento a respeito de Deus, ele entregou os seres humanos aos seus maus pensamentos, de modo que eles fazem o que não devem" (Rm 1.28).

LEITURA DEVOCIONAL
SEG..................................................................Gn 3.8-24
TER....................................................................Gn 6.13-22
QUA....................................................................Gn 18.17 - 22 QUI...............................................................Mt 15.16-20
SEX.....................................................................Jo 15.1-27
SÁB....................................................................Gl 5.16-26
DOM...................................................................Ap 22.11
Objetivos
- Apresentar os atuais problemas do família;
- Fundamentar o problema-da ignorância do conhecimento de Deus;
- Reafirmaras consequências do pecado.
Material Didático
Cartaz com fotos de vários, modelos familiares e, quadro de giz ou quadro branco (se for o caso, caneta hidrográfica).

QUEBRANDO A ROTINA
Deixe o cartaz exposto à turma com várias fotos de modelos familiares. Em seguida, sem mencionar nada a respeito do cartaz, divida a turma em grupos, formando alguns modelos familiares do/conhecimento deles. Peça a eles quê apresentem o modelo familiar formado pelo grupo e, a partir desta apresentação, aponte para o cartaz e discuta sobre os modelos familiares conhecidos pelos alunos. Pergunte-os se existe algo de errado corri a família, anotando cada ponto citado no quadro. Então, discuta-o se responda-os. Ao final, da discussão, inicie a aula afirmando o valor da família e que ela é uma maneira de sermos alcançados pelo amor de Deus.

ESTUDANDO A BÍBLIA
Todo dia a mídia lança uma pesada carga de informação sobre os adolescentes, disseminando as mais controversas relações familiares. Novelas, filmes, livros e até desenho animado informam às crianças e aos adolescentes os diversos formatos familiares. Junto disto, a realidade sobre o divórcio no Brasil nos assusta e influencia fortemente o meio evangélico. Infelizmente, o tema é uma realidade que a maioria dos adolescentes já se deparou com amigos ou na própria casa.

O foco desta lição é ajudar o adolescente a entender que, embora essa realidade esteja diante de nós, a vontade de Deus para a família é outra: a família está no "coração" de Deus e Ele a guardará.
Professor, que Deus fortaleça e abençoe sua família!

Quando crianças, e até mesmo adolescentes, ouvimos por diversas vezes a pergunta: "O que você quer ser quando crescer?" Mas já parou para pensar como será a sua família quando você ser tornar adulto? Como cristãos, somos confrontados todos os dias, pois o modelo de família que a Bíblia nos ensina a viver é visto como "quadrado" e fora de moda. Será que há algo de errado com a família que Deus criou?

O que está acontecendo com a família?
Na sociedade em que vivemos, as famílias estão cada vez mais fragmentadas e não é difícil identificarmos famílias em que não há mais o respeito e o amor mútuo. Até mesmo dentro da igreja vemos casos tristes, onde o respeito e o amor não florescem, dando lugar apenas à divisão e à contenda. Mas esse é um problema que não foi criado por Deus, mas por nós mesmos. A família funciona bem quando os seus membros cooperam entre si e empregam o amor de Deus de maneira abundante; contudo, quando isso não acontece os eventos ruins ganham espaço na família. Enquanto em seu coração Deus criou a família, Ele pensava no modelo formado por homem, mulher e, em seguida, seus filhos. Você saberia o motivo? Ao criar o mundo, Deus tornou visível a sua inteligência, criando assim as coisas numa ordem carreta que, de acordo com Gênesis 1, tudo quanto fosse criado utilizaria-se das bases que haviam sido formadas anteriormente. Veja por exemplo se podemos plantar uma árvore no meio do mar?!

Assim, antes de criar a vegetação era necessário o surgimento da terra. A família, onde o primeiro casal estava em comunhão e em harmonia, era a base sólida para a construção do edifício familiar. Quando essa base se desajusta é muito difícil que o edifício da família seja mantido. Hoje em dia, vemos formações familiares fugindo do padrão divino e a consequência disso é a falência da "nova fórmula" familiar criada por nós, mas sem a sintonia com o modelo criado por de Deus.
Cada vez que a estrutura familiar enfraquece, a igreja também se torna fraca. Isso facilita cada vez mais o desequilíbrio e a proliferação do pecado na igreja.

- Lições Bíblicas de Jovens – 2° Trimestre de 2018 – Acesse Aqui
- Lições Bíblicas de Adultos – 2° Trimestre de 2018 – Acesse Aqui
- Sala do Professor – Acesse Aqui


AUXÍLIO BIBLIOGRÁFICO

Lições Bíblicas de Jovens - 2° Trimestre de 2017

Revista: do Professor
Título: O Sermão do Monte
Subtítulo: A justiça sob a Ótica de Jesus
1- As Bem-Aventuranças
2- Sal da Terra e Luz do Mundo
3- A Lei e a Justiça no Reino
4- Jesus e Sua Interpretação da Lei
5- As Exigências Básicas da Justiça sob a Ótica de Jesus
6- Pai-Nosso
7- Ansiedade pela Vida
8- Autoavaliação e Discernimento, Sim, Julgar, Não
9- A Bondade Divina e a Regra de Ouro
10- As Duas Portas e os Dois Caminhos
11- Os Falsos Profetas e os Seus Frutos
12- Uma Séria Advertência aos Discípulos
13- A Decisão Crucial do Discípulo: Ouvir e Praticar
Acesse AQUI e confira as lições a nossa página de lições de Jovens
***
**

Lição 5- Efésios: a Carta da Fé, do Amor e das Virtudes

TEXTO BÍBLICO
Efésios 2.1-10
1 E VOS vivificou, estando vós mortos em ofensas e pecados,
2 Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência.
3 Entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como os outros também.

A influência da Escola Dominical na vida do adolescente

Imagine o cenário atual em que vivem os adolescentes: eles estão em um período de grandes mudanças físicas, emocionais, intelectuais, morais e sociais. Muitas vezes, vivem em famílias desajustadas, e estão em uma sociedade relativista. E para completar, recebendo uma educação materialista.

Que situação terrível enfrentam essas vidas, que são jóias preciosas aos olhos de Deus! Como são terríveis os gigantes que elas têm enfrentado a cada momento de suas vidas. Pais, líderes e professores conhecem de fato a realidade desse campo de batalha, no qual vivem nossos adolescentes?

O ensino para adolescentes

Introdução
Segundo o pastor Marcos Tuler (2006), para ensinar adolescentes não é suficiente só o preparo técnico-didático e a vocação natural para o magistério. O mestre deve ter plena convicção de seu chamado.
Eles são alunos especiais e, por isso, o trabalho exigirá dedicação, criatividade, dinamismo e um detalhado plano de ação. O professor de adolescentes é privilegiado por Deus, pois pode ser um instrumento de bênção para ajudá-los a superar esta fase de conflito.

Vivendo em sociedade

Nota.
Artigo para A classe de Adolescentes
Blog: Subsídios EBD.
Fonte: Ensinador Cristão - 63

Neste trimestre (3° tri. De 2015) o tema é "Vivendo em Sociedade". É importante que seus alunos saibam que, embora vivendo em uma sociedade pecadora, podemos ser santos e puros.

Objetivo: Mostrar que podemos ser santos mesmo vivendo em uma sociedade marcada pelo pecado.