FECHAR


SUBSÍDIO 4: Dons de Poder

Subsídio Bíblico para a Lição dos Adultos (CPAD).  2° Trimestre de 2021

🔥 Subsídios Bíblico Completos Aqui

🔥 Lições Bíblicas Completas Aqui

Dons de poder são capacidades extraordinárias concedidas pelo Senhor à sua Igreja para que esta aja sobrenaturalmente na proclamação do Evangelho.

São também chamados "dons de ação", pois operam na área física, material. Fazem parte desse grupo o dom da fé, dons de curar e os dons de operar maravilhas.

VEJA TAMBÉM

🔥 Lições Bíblicas Adultos – Clique Aqui

🔥 Lições Bíblicas Jovens – Clique Aqui

🔥 Lições Bíblicas Adolescentes – Clique Aqui

🔥 Auxílios para Professores da Escola Dominical – Clique Aqui

📚 Curso de Formação de Professores da Escola Dominical  - Clique Aqui

 

I. O DOM DA FÉ (1 Co 12.9).

Há vários tipos de fé, exemplos: fé natural, fé salvadora, o dom da fé e a fé escudo para o crente.

 

1. Fé natural.

A fé natural é a ação mais profunda e integral do espírito humano e afirma não ser possível separar a fé e a pessoa em sua totalidade, pois a mesma transcende e é percebida em cada uma das dimensões da vida humana, perpassando por seus ambientes sociais.


A fé natural é a aceitação intelectual de certas verdades acerca de Deus, mas não é acompanhada por uma vida condizente com o evangelho (Tg 2.17).


Essa fé é vivenciada por todas as pessoas que até acreditam em Deus, que entendem que Ele fez todas as coisas, que acreditam que o sol se levanta pela manhã por provisão dEle, mas, mesmo assim, não dão o passo de salvação necessário. A Bíblia afirma que até os demônios creem e estremecem (ver Tg 2.19). Essas pessoas até podem estar cientes da vida eterna, mas, ainda assim, não aceitam o sacrifício de Cristo que lhes beneficia com a salvação.


A fé natural leva a pessoa a acreditar em qualquer coisa examinada à luz da razão. É a fé intelectual. A pessoa acredita, por exemplo, que o remédio prescrito pelo médico vai curá-lo, que o piloto do avião, em que se encontra, vai conduzi-lo bem.


Este tipo de fé serve apenas para as relações terrenas entre os homens (Tg 2.19; Jo 20.29).

2. Fé Salvadora.

É através desta que passamos a crer no Senhor para a nossa salvação; é definida como um dom Deus (Ef 2.8).


Ao ouvir a Palavra, o coração do homem é despertado por ela (At 16.14), abrindo-se lhe a porta da salvação (At 14.27). E, assim, Deus nos concede a graça de crer (Fp 1.29).


A fé para a salvação o homem abandona toda a confiança em seus esforços de religiosidade, de piedade, de bondade ou de moralidade para obter a salvação (Gl 2.16) e confia completa e exclusivamente na obra salvadora de Cristo (At 16.30) operada na cruz.

3. O dom da fé.


a) Definição.

É a capacidade, ou faculdade, de se confiar em Deus de modo sobrenatural. É uma fé especial, diferente de qualquer outro tipo de fé; manifesta-se apenas em ocasiões especiais.


No original, significa literalmente "tende fé estando em Deus" (2 Co 10.15; 2Ts 1.3). É um recurso especial do poder de Deus (1 Co 12.9), com o qual foram dotados os heróis mencionados na galeria da fé (Hb 11). Esse dom é concedido somente a algumas pessoas, visando a consecução de obras extraordinárias em tempos de crise, desafio e emergência (1 Co 12.29).


b) Utilidade.

Através desse dom, o Espírito dá ao crente a fé que opera sinais e prodígios (Mt 17.20). O uso dessa fé libera o poder de Deus com abundância nas ocasiões que o Espírito dirigir (Tg 5.17; At 27.25). Esta capacidade sobrenatural de crer abre as portas para os milagres, onde "tudo é possível" (Mt 17.20; Mc 9.23; Lc 1.37; 18.27).


Esta fé dá autoridade diante dos problemas como ocorreu com: Josué, que orou a Deus, e em seguida ordenou que o sol e lua fossem detidos (Js 10.12); Elias, que orou, e fogo e chuva caíram do céu (1 Rs 18.33-35, 41-46). Também promove uma confiança absoluta no poder de Deus, na resolução de dificuldades, como ocorreu com Daniel (Dn 6.16.23).


🛑 Obs. A continuação deste conteúdo está na Revista Cristão Alerta.

👉Clique Aqui