Tema: A Promessa de uma Grande Descendência - Subsídios Dominical

Breaking

Home Top Ad

Post Top Ad

Novos Subsídios Bíblicos para as lições  O corpo de Cristo, 1° trimestre de 2024


Tema: A Promessa de uma Grande Descendência

Versículo chave:

Gênesis 12.4 - "Então Abrão partiu, como o Senhor lhe tinha dito, e Ló foi com ele. Tinha Abrão setenta e cinco anos quando saiu de Harã."

 

Introdução

Hoje vamos refletir sobre a promessa de uma grande descendência que Deus fez a Abraão, um homem fiel e obediente à vontade de Deus. Essa promessa é uma das mais importantes na Bíblia, pois se cumpriu em Cristo e em nós, que somos seus herdeiros. Vamos meditar juntos nas Escrituras e descobrir o que essa promessa significa para nós hoje.

 

1. A promessa de uma grande descendência é para todas as nações

 

Gênesis 12.3 - "Em ti serão benditas todas as famílias da terra."

 

Gálatas 3.8 - "Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti."

 

Romanos 4.16 - "Por isso, é pela fé, para que seja segundo a graça, a fim de que a promessa seja firme a toda a descendência, não somente à que é da lei, mas também à que é da fé que teve Abraão, o qual é pai de todos nós."

 

1.1. Deus escolheu Abraão para ser um canal de bênção para todas as nações.

 

Deus escolheu Abraão para ser o pai de uma grande nação que seria um canal de bênção para todas as outras nações da terra. Essa escolha não foi baseada em mérito ou superioridade de Abraão, mas sim na graça e na vontade de Deus.

 

Em Gênesis 12:1-3, Deus disse a Abraão: "Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai e vai para a terra que te mostrarei; de ti farei uma grande nação, e te abençoarei, e te engrandecerei o nome. Sê tu uma bênção! Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; em ti serão benditas todas as famílias da terra".

 

A escolha de Abraão não foi apenas para abençoar sua própria nação, mas também para ser um canal de bênção para todas as nações da terra. Essa promessa foi cumprida em Cristo, que veio como o Messias judeu, mas também como o Salvador de todas as nações da terra.

 

Em Atos 3:25-26, Pedro disse: "Vós sois os filhos dos profetas e da aliança que Deus fez com nossos pais, dizendo a Abraão: Na tua descendência serão abençoadas todas as famílias da terra. A vós primeiramente, Deus, suscitou o seu Servo e o enviou para vos abençoar, desviando cada um de vós das suas iniquidades".

 

1.2. A promessa de uma grande descendência inclui gentios e judeus

Em Gálatas 3:7-9, Paulo está explicando que a promessa de uma grande descendência feita a Abraão não se limita apenas aos seus descendentes físicos, mas inclui todos aqueles que têm fé em Cristo. Paulo argumenta que os gentios (ou seja, pessoas de outras nações além de Israel) são justificados pela fé e, portanto, fazem parte dessa grande descendência de Abraão.

 

Ao citar Gênesis 12:3, onde Deus promete a Abraão que todas as nações seriam abençoadas através dele, Paulo mostra que essa promessa não se restringe apenas aos judeus, mas é para todas as pessoas, independentemente da sua origem étnica. E ele conclui dizendo que todos aqueles que têm fé em Cristo são abençoados juntamente com Abraão, o pai da fé.

 

Essa ideia de que a promessa de Deus a Abraão se estende a todos os que têm fé em Cristo é um tema importante na teologia cristã e mostra a universalidade do plano de salvação de Deus. Para os cristãos, a fé em Cristo é o caminho para se tornar parte dessa grande descendência de Abraão e receber as bênçãos prometidas por Deus.

 

1.3. Através de Cristo, somos herdeiros dessa promessa.

De acordo com a teologia cristã, a promessa feita a Abraão de uma grande descendência que seria abençoada por Deus foi cumprida em Jesus Cristo. Em Romanos 4:13, Paulo afirma que a promessa feita a Abraão de que ele seria herdeiro do mundo não foi através da Lei, mas pela justiça da fé. Em outras palavras, a promessa não foi cumprida através da obediência à Lei de Moisés, mas pela fé em Deus.

 

Paulo continua explicando que Jesus é o herdeiro dessa promessa e que todos aqueles que creem em Cristo são também herdeiros juntamente com Ele.

 

Em Gálatas 3:29, Paulo escreve: "E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa".

 

Por meio da sua morte e ressurreição, Cristo abriu o caminho para que todas as pessoas, independentemente da sua origem étnica ou cultural, pudessem se tornar parte dessa grande descendência de Abraão e receber as bênçãos prometidas por Deus.

 

Em Efésios 3:6, Paulo escreve que "os gentios são coerdeiros, membros do mesmo corpo e coparticipantes da promessa em Cristo Jesus por meio do evangelho".

 

Em resumo, através da sua morte e ressurreição, Jesus Cristo tornou possível que todos aqueles que creem nele se tornassem herdeiros da promessa feita a Abraão. Somos coerdeiros com Cristo e membros do mesmo corpo, participantes da promessa em Cristo Jesus por meio do evangelho. Essa é a base da nossa esperança como cristãos e a razão pela qual podemos confiar nas promessas de Deus.

 

2. A promessa de uma grande descendência se cumpriu em Cristo

 

Gálatas 3.16 - "Ora, as promessas foram feitas a Abraão e à sua descendência. Não diz: E às descendências, como falando de muitas, porém como de uma só: E à tua descendência, que é Cristo."

 

Efésios 3.6 - "A saber, que os gentios são co-herdeiros, e de um mesmo corpo, e participantes da promessa em Cristo pelo evangelho."

 

Colossenses 1.27 - "Aos quais Deus quis fazer conhecer qual seja a riqueza da glória deste mistério entre os gentios, que é Cristo em vós, esperança da glória."

 

2.1. A promessa de uma grande descendência se cumpriu em Cristo como a semente de Abraão.

 LISTA DE SERMÕES:

1. A missão da Igreja Cristã - de dentro para fora

2. Deus Abre as Portas que Ninguém Pode Fechar 

3. Como Lidar com a perseguição por causa do Evangelho

4. Sinais e Maravilhas: As Marcas do Avivamento Espiritual 

5. O Aviamento e o Poder do Espírito Santo

6. Buscando a Deus com Fervor 

A expressão "a semente de Abraão" é uma referência a uma profecia feita a Abraão em Gênesis 12:7, onde Deus promete que a terra seria dada à sua semente. Essa promessa é repetida várias vezes ao longo do Antigo Testamento e se cumpre em Jesus Cristo, que é descendente de Abraão.

 

A ideia de que Cristo é a semente de Abraão é uma expressão encontrada em Gálatas 3:16, Paulo está explicando que a promessa feita a Abraão de uma grande descendência não se refere apenas aos seus descendentes físicos, mas se cumpriu em Cristo, que é a descendência única e verdadeira de Abraão.

 

Em outras palavras, a promessa não foi cumprida através de uma linhagem física, mas através de Cristo.

2.2. Somos herdeiros dessa promessa em Cristo.

Como cristãos, somos herdeiros da promessa feita a Abraão através da nossa fé em Cristo.

 

Em Efésios 1:11-14, Paulo mostra que, ao crermos em Cristo, somos selados com o Espírito Santo, que é a garantia da nossa herança como filhos de Deus. Cristo é a nossa esperança da glória, porque através dele temos a promessa da vida eterna e da redenção dos nossos pecados. Como herdeiros dessa promessa, podemos ter confiança na fidelidade de Deus e na certeza da nossa salvação em Cristo.


3. A promessa de uma grande descendência nos dá esperança

 

Hebreus 6.17-19 - "Por isso, querendo Deus mostrar mais abundantemente a imutabilidade do seu conselho aos herdeiros da promessa, se interpôs com juramento; para que por duas coisas imutáveis, nas quais é impossível que Deus minta, tenhamos a firme consolação, nós, os que pomos o nosso refúgio em reter a esperança proposta; a qual temos por âncora da alma, segura e firme, e que penetra até ao interior do véu."

 

3.1. A promessa de uma grande descendência nos dá a certeza de que Deus cumpre suas promessas.

 

A promessa de uma grande descendência feita a Abraão e cumprida em Cristo é um exemplo claro da fidelidade de Deus em cumprir suas promessas. Em

Hebreus 6:17-18, é dito que "Deus, querendo mostrar mais plenamente aos herdeiros da promessa a imutabilidade do seu propósito, interveio com juramento, para que por duas coisas imutáveis, nas quais é impossível que Deus minta, tenhamos poderosa consolação, nós que nos refugiamos em lançar mão da esperança proposta".

 

Isso significa que, como herdeiros da promessa, podemos ter a certeza de que Deus é fiel e cumpre suas promessas, não apenas no passado, mas também no presente e no futuro.

 

3.2. A promessa de uma grande descendência nos dá a esperança da salvação em Cristo.

 

A promessa de uma grande descendência também nos dá a esperança da salvação em Cristo.

Em Romanos 4:13, Paulo escreve que "não foi pela lei que Abraão e sua descendência receberam a promessa de que seriam herdeiros do mundo, mas pela justiça que vem pela fé".

 

Essa passagem mostra que a salvação não vem pela obediência à lei, mas pela fé em Cristo, que é o cumprimento da promessa feita a Abraão. Como herdeiros dessa promessa, temos a certeza da nossa salvação em Cristo e a esperança da vida eterna.

 

3.3. A promessa de uma grande descendência nos dá a segurança de que estamos firmados em Deus.

 

A promessa de uma grande descendência também nos dá a segurança de que estamos firmados em Deus.

Em Colossenses 2:6-7, Paulo escreve que "assim como vocês receberam a Cristo Jesus, o Senhor, continuem a viver nele, enraizados e edificados nele, firmados na fé como foram ensinados, transbordando de gratidão".

 

Essa passagem mostra que, ao recebermos a Cristo, somos enraizados nele e firmados na fé, o que nos dá a segurança de que estamos firmados em Deus e podemos ter confiança na sua fidelidade em cumprir suas promessas. Como herdeiros da promessa, podemos estar seguros em nossa fé em Cristo e na nossa posição em Deus.

 

Conclusão

A promessa de uma grande descendência feita a Abraão é uma das mais belas promessas da Bíblia. Ela se cumpriu em Cristo e nos inclui como herdeiros dessa promessa. Por meio dela, temos a certeza da salvação em Cristo, a esperança da glória e a segurança de que estamos firmados em Deus.

Este E-book é uma verdadeira fonte informativa para os novos e os veteranos professores de Escola Bíblica.


Post Bottom Ad