Subsídios Bíblicos para a Escola Dominical 👇👇

Mostrando postagens com marcador Mulheres. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Mulheres. Mostrar todas as postagens

Lição 2: A Criação de Eva, a Primeira Mulher


Lições Bíblicas do 1° trimestre de 2020 - CPAD | Classe: Adultos

Texto Áureo
"E disse Adão: Esta é agora osso dos meus ossos e carne da minha carne; esta será chamada varoa, porquanto do varão foi tomada." (Gn 2.23)
Verdade Prática
Na criação divina, a mulher é tão importante quanto o homem: ambos se completam e são igualmente importantes ao Reino de Deus.
Veja também:

Lição 12 - A Cura da Mulher que Tinha um Fluxo de Sangue

Classe: Jovens – 3°Trimestre de 2018 | Data da Aula: 16/09/2018
TEXTO DO DIA
E disse Jesus: Alguém me tocou, porque bem conheci que de mim saiu virtude. (Lc 8.46)
SÍNTESE
A atitude ousada da mulher que tocou na orla das vestes de Jesus em circunstâncias extremamente desfavoráveis ensina-nos que devemos crer que Ele conhece nossas intenções.
AGENDA DE LEITURA
SEGUNDA – Nm 15.38-40: As bordas das vestes serviam para lembrar o povo da Lei
TERÇA – Nm 21.8,9: A serpente de bronze de Moisés
QUARTA – Js 2.12-21: O fio de escarlate no muro de Jericó
QUINTA – At 5.14-16: A sombra de Pedro
SEXTA – Mt 14.35,36: Pessoas eram curadas ao tocar na orla das vestes de Jesus
SÁBADO – At 19.11,12: Lenços e aventais de Paulo

- Lições Bíblicas de Jovens – 3° Trimestre de 2018 – Acesse Aqui
- Lições Bíblicas de Adultos – 3° Trimestre de 2018 – Acesse Aqui
- Sala do Professor – Acesse Aqui


OBJETIVOS
• ANALISAR a atitude da mulher e o porquê de ela ter sido ousada;
• INTERPRETAR a excepcionalidade do milagre ocorrido;
• DESTACAR o valor da fé que não apenas cura, mas que também salva.

A Mulher e o Ministério Pastoral

Breve análise dos casos bíblicos de mulheres que se destacaram de forma incomum na obra de Deus.
O assunto, como é hoje ventilado, originou-se nas igrejas neopentecostais (algum as delas chamadas de "renovadas"), e em certas ramificações e apêndices da Assembleia de Deus, sem identidade doutrinariamente conservadora, e mesmo de práticas liberalistas, e que confundem, na igreja, modernismo com modernidade.
O contingente de mulheres na igreja é evidentemente muito maior que o dos homens, mas isso não justifica a pretensão que se propala.
Nos trabalhos da igreja, é, graças a Deus, grande o número de irmãs em atividade, dedicadas à santa causa do Senhor, número esse que deveria ser muito maior. São atividades as mais distintas.

Em Jesus as Mulheres são valorizadas


Na ação de graças matinal que o judeu proferia todas as manhãs, agradecia a Deus por não tê-lo feito gentio, escravo ou mulher. Mas Jesus Cristo veio, e através de suas atitudes e ensinamentos, mostrou-nos que tantos os homens como as mulheres precisam de Jesus Cristo para receber a Salvação. A alma do homem não é mais importante do que a da mulher! Através do ministério de Jesus, as mulheres são valorizadas.

Quatro mulheres na Genealogia de Jesus

Raabe era uma prostituta de Jericó (Josué 2.1-7).

Rute nem sequer era judia, era moabita (Rute 1.4). A própria lei estabelece que "Não entrará amonita nem moabita na congregação do Senhor, nem até a décima geração deles; não entrarão na congregação do Senhor para sempre." (Deuteronômio 23.3). Rute pertencia a um povo estrangeiro e odiado.

Tamar seduziu deliberadamente a seu sogro Judá e cometeu adultério com ele (Gn 38).

Bate-Seba, a mãe do Salomão, foi a mulher que Davi tomou de Urias, seu marido, valendo-se de uma imperdoável crueldade (2 Samuel 11 e 12).


Tamar, Raabe e Rute (Leia Mateus 1.3,4, o versículo 6 – refere-se a Bate-Seba). A simples presença de nomes femininos em uma genealogia é um fato surpreendente e extraordinário. A mulher não exercia direitos legais: não era considerada como uma pessoa, mas uma coisa. Era simplesmente propriedade de seu pai ou de seu marido, e estava obrigada a fazer o que eles quisessem.

Clique e acesse
Veja Vídeos para MulheresClique aqui

Através de Jesus as barreiras são derrubadas

1) Em Jesus a barreira que separa o judeu do gentio é derrubada.

Raabe, a mulher de Jericó (Josué 2.1-7) e Rute, a mulher de Moabe (Rute 1.4)., encontram um lugar na linha direta dos antepassados de Jesus. Já figura aqui a grande verdade de que em Jesus não há judeu nem grego.

2) Em Jesus a barreira que separa o homem da mulher é derrubada.

Em nenhuma genealogia comum apareceriam nomes de mulher, mas os encontramos na genealogia de Jesus. O antigo desprezo desapareceu: O homem e a mulher estão igualmente perto do amor de Deus e são igualmente importantes em seu plano.

3) Em Jesus a barreira que separa o santo do pecador é derrubada. Raabe era uma prostituta de Jericó (Josué 2.1-7).  

Tamar seduziu deliberadamente a seu sogro Judá e cometeu adultério com ele (Gn 38). De algum modo Deus pode incluir em seus propósitos, e incorporar em seu plano para a História, até aquele que cometeu grandes pecados. Diz Jesus: "Porque eu não vim para chamar os justos, mas os pecadores, ao arrependimento" (Mateus 9.13).

Fonte: Estudo adaptado de WILLIAM BARCLAY, por Subsídios EBD

Existe Respaldo Bíblico para a ordenação de pastoras?

Para falar sobre este tema apresentamos parte da entrevista, com exclusividade para Seara News, o pastor (Pr. Antônio Gilberto ) esclarece assuntos polêmicos, do ponto de vista bíblico, doutrinário e teológico, destacando a importância da doutrina bíblica para a igreja.

Seara News - Um assunto polêmico, cujo debate já dura por décadas, é o ministério pastoral feminino. Hoje algumas Assembleias de Deus já reconhecem a ordenação de mulheres. Existe respaldo bíblico-doutrinário para isso?

Pr. Antônio Gilberto - Não, não e outra vez não! Não existe!
Ordenação… Mulheres no Santo Ministério, tanto venham.
Inclusive muitas vezes elas fazem o trabalho melhor do que os homens. Mas ordenar para o Santo Ministério, não tem base nas Escrituras.

A dedicação das mulheres a Deus e ao Seu Reino

Desejo compartilhar com o prezado leitor uma mensagem bíblica extraída do Evangelho de Lucas 8.2,3, que diz: "E algumas mulheres que haviam sido curadas de espíritos malignos e enfermidades; Maria, chamada Madalena, da qual saíram sete demónios. Joana, mulher de Cuza, procurador de Herodes, e Suzana, e muitas outras que serviam com as suas fazendas".

As mulheres que Ungiram Jesus

Introdução.
Encontramos nos evangelhos algumas ocorrências onde algumas mulheres aparecem ungindo Jesus (Mt 26.6-13; Marcos 14.4; Lucas 7.36-40; João 12.3-6).
Através de algumas peculiaridades encontradas nas passagens, a cima citadas, podemos discernir quem é quem nas narrativas onde aparecem as mulheres ungindo o Senhor Jesus.
A fim de evitarmos confusões de interpretação a cerca do tema em questão, veremos, aqui, a quem cada texto mencionado está se referindo. Chamarei cada ocorrência de “evento” e para cada ocorrência distinta a enumerarei de “1 a 3”. Sendo assim ficará mais compreensível para todos os nossos leitores.

Mulheres notáveis

A Bíblia Sagrada registra a influência e o trabalho de mulheres notáveis como Joquebede, Débora, Rute, Ester, Maria (mãe de Jesus), Lóide e Eunice, que contribuíram para a expansão da obra de Deus no Antigo e no Novo Testamentos.

Porém, foi só com o advento do cristianismo há 2 mil anos que as mulheres passaram a ganhar um destaque especial no envolvimento na obra do Senhor.


Lição: 3 - Oração e Recomendações às mulheres Cristãs

19 de julho de 2015 – Lição de Adultos, revista de Mestre
Observação:
- Acesse o subsídio desta lição AQUI
- Acesse estudo sobre oração AQUI
- Veja AQUI o vídeo desta lição
Texto Áureo:
"Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões e ações de graças por todos os homens." (lTm 2.1)