Lição 1 - O Início da Caminhada (Lições Bíblicas Adultos)

Lições Bíblicas Adultos 2° trimestre 2024 CPAD

Lições Bíblicas Adultos 2° trimestre 2024 CPAD

REVISTA: A CARREIRA QUE NOS ESTÁ PROPOSTA: O Caminho da Salvação, Santidade e Perseverança para Chegar ao Céu

Comentarista: Pr. Osiel Gomes

Aula: 07 de abril de 2024

A Carreira Que Nos Está Proposta [ Revista Digital Cristão Alerta - 2° Trimestre 2024

TEXTO ÁUREO

“Jesus respondeu e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo não pode ver o Reino de Deus.” (Jo 3.3)


VERDADE PRÁTICA

O Novo Nascimento marca o início da jornada do crente em Jesus Cristo.


LEITURA DIÁRIA

Segunda – Rm 8.2; 12.2

A nova vida com Cristo por meio do Espírito

Terça – Ef 1.3-6

Na nova vida com Cristo temos Deus como Pai

Quarta – 1 Co 15.57

Na nova vida com Cristo temos o Filho conosco

Quinta – Jo 14.26

Na nova vida com Cristo temos o Espírito Santo, o Consolador

Sexta – Jo 16.7-11; Rm 8.5-7

A nova vida com Cristo é uma ação poderosa do Espírito

Sábado – 1 Pe 1.23

A nova vida com Cristo é gerada por intermédio da Palavra


Hinos Sugeridos: 15, 19, 227 da Harpa Cristã

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE

João 3.1-8

1 – E havia entre os fariseus um homem chamado Nicodemos, príncipe dos judeus.

2 – Este foi ter de noite com Jesus e disse-lhe: Rabi, bem sabemos que és mestre vindo de Deus, porque ninguém pode fazer estes sinais que tu fazes, se Deus não for com ele.

3 – Jesus respondeu e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo não pode ver o Reino de Deus.

4 – Disse-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? Porventura, pode tornar a entrar no ventre de sua mãe e nascer?

5 – Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus.

6 – O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito.

7 – Não te maravilhes de te ter dito: Necessário vos é nascer de novo.

8 – O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes donde vem, nem para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito.


PLANO DE AULA

1- INTRODUÇÃO

A Caminhada Cristã inicia com o Novo Nascimento, obra efetuada pelo Espírito Santo mediante ao sacrifício de Jesus Cristo no Calvário. A conclusão dessa obra se dará por ocasião da glorificação final dos salvos, ou seja, a ocasião em que receberemos um corpo glorioso, semelhante ao do Senhor Jesus quando apareceu aos discípulos após ressurreto. Neste trimestre, estudaremos o início e o final dessa caminhada, mas também o meio dessa jornada com Cristo. Do início ao final da caminhada cristã, há um meio que se mostra um desafio. Para nos auxiliar neste estudo, contaremos com o pastor Osiel Gomes, líder da AD em Tirirical (MA), doutorando em teologia, conferencista e autor de várias obras publicadas pela CPAD. O pastor Osiel Gomes é o comentarista deste trimestre.


2- APRESENTAÇÃO DA LIÇÃO

A) Objetivos da Lição:

I) Explicar o sentido da caminhada com Cristo;

II) Ensinar a respeito da doutrina do Novo Nascimento;

III) Enfatizar a importância do Novo Testamento para a formação de quem inicia a caminhada cristã.


B) Motivação: Nesta vida, precisamos ter bem claro a ideia de início e fim para qualquer atividade que iniciamos. Na trajetória da caminhada com Cristo não é diferente. Há um início e, também, uma promessa de um desfecho glorioso. Esse desfecho é o alvo que deve estar sempre diante de nós quando nos encontrarmos diante dos obstáculos da nossa caminhada espiritual. Os desafios podem ser grandes, mas nada se compara com o desfecho reservado a cada peregrino que iniciou a sua jornada para Céu.


C) Sugestão de Método: Vamos iniciar mais um trimestre. A primeira aula é uma introdução que situará o aluno a respeito do que ele estudará durante todo o trimestre. Por isso, planeje bem esta primeira aula, reservando tempo para expor e aplicar o conteúdo desta primeira lição, de modo que você consiga fazer uma boa introdução do trimestre. Nesta oportunidade, sugerimos que você inicie a aula trazendo uma reflexão a respeito do tema geral do trimestre: “A Carreira que Nos Está Proposta: O Caminho da Salvação, Santidade e Perseverança para Chegar ao Céu”. Procure extrair dos alunos a percepção deles a respeito do tema, o que esperam dele e o que desejam aprender. À medida que você vai percebendo os anseios da classe, comente os principais assuntos que serão abordados na aula. Nessa introdução, apresente o comentarista deste trimestre, o pastor Osiel Gomes, conforme mencionado na introdução. Um excelente início de trimestre!


3- CONCLUSÃO DA LIÇÃO

A) Aplicação: A lição de hoje é uma excelente oportunidade para os alunos refletirem a respeito de sua trajetória como cristãos, desde quando ela iniciou até o momento presente. Mostre que, à medida que temos a consciência do que nos espera no final da nossa jornada, teremos mais ou menos motivação espiritual para concluí-la. Encerre a aula citando as Escrituras: “Nós, porém, não somos daqueles que se retiram para a perdição, mas daqueles que creem para a conservação da alma” (Hb 10.39).


4- SUBSÍDIO AO PROFESSOR

A) Revista Ensinador Cristão. Vale a pena conhecer essa revista que traz reportagens, artigos, entrevistas e subsídios de apoio à Lições Bíblicas Adultos. Na edição 97, p.36, você encontrará um subsídio especial para esta lição.

B) Auxílios Especiais: Ao final do tópico, você encontrará auxílios que darão suporte na preparação de sua aula:

1) O texto “Regeneração: Nascimento e Renovação Espiritual”, localizado depois do segundo tópico, destaca a obra do Novo Nascimento, a Regeneração do pecador;

2) O texto “As Fontes da História do Novo Testamento”, ao final do terceiro tópico, expande a reflexão a respeito da importância do Novo Testamento na vida do cristão.


INTRODUÇÃO

Neste trimestre, estudaremos a Jornada do Cristão. Para iniciarmos a os nossos estudos, temos o propósito de compreender o início de nossa caminhada com Cristo e o quanto somos agraciados com a presença da Santíssima Trindade nessa trajetória. Conceituaremos também o Novo Nascimento e o estudaremos como uma experiência proveniente do Espírito Santo, conforme as Escrituras nos apresentam. Finalmente, mostraremos a importância do Novo Testamento no início dessa jornada de fé.


Palavra-Chave: Caminhada

I. A CAMINHADA COM CRISTO

1. Compreendendo os dois caminhos.

Na história humana, temos dois caminhos: o da vida natural e o da vida com Cristo.

 

a) Vida humana. A primeira se inicia no momento do nosso nascimento natural. Ela poderá ser longa ou curta, mas não eterna. Essa trajetória humana é marcada pelas fases da infância, adolescência, juventude, vida adulta e velhice. Também é caracterizada por dois momentos: o nascimento e a morte. É a esse tipo de jornada da vida que Jesus se refere quando diz: “O que é nascido da carne é carne” (Jo 3.6).

 

b) Vida com Cristo. A vida humana pode se tornar uma jornada maravilhosa quando convidamos o Senhor Jesus para fazer parte dela. A nova vida com Cristo é o começo de uma nova história, de felicidade verdadeira e de plenitude no Espírito (Rm 8.2). Nessa vida há novos propósitos, novos pensamentos e novas esperanças (Rm 12.2). Afinal, nos tornamos um(a) filho(a) de Deus. Esse tipo de jornada de vida que nosso Senhor se refere quando diz: “O que é nascido do Espírito é espírito” (Jo 3.6).

 

2. Os três companheiros da nossa caminhada.

Quando recebemos Jesus como Salvador, Deus passa a ser o nosso Pai (Ef 1.3-6). Agora somos cuidados, instruídos e fortalecidos por Ele. Temos um relacionamento de pai e filho. Além do Pai, temos também o seu Filho como aquEle que nos concede a vitória contra o pecado e toda a sorte de males (1 Co 15.57); e, por nos amar, nos concedeu a sua vida (Jo 3.16) e nos conduz em segurança para o seu reino celestial (Cl 2.6,7). Finalmente, temos agora o terceiro membro da trindade, o Espírito Santo como nosso auxiliador e consolador (Jo 14.26). Pelo intermédio dEle, Deus operou o milagre do Novo Nascimento, transformando a nossa natureza caída e nos tornando em seus legítimos filhos. Tudo isso significa nascer do Espírito ou Novo Nascimento (Jo 3.6; Jo 1.13; 1 Co 15.50).

 

SINOPSE I

A história humana compreende dois caminhos: o da vida natural e o da vida espiritual.

 

II. O NOVO NASCIMENTO

1. Por que precisamos do Novo Nascimento?

No início do diálogo entre Jesus e Nicodemos, o termo “homem” se destaca. Esse substantivo masculino do grego nthrōpos, que significa “homem”, tem um uso genérico no texto e, por isso, seu sentido inclui todos os seres humanos (Jo 3.4). Assim, o Senhor Jesus afirmou que Nicodemos precisava nascer de novo, um novo nascimento vindo diretamente do céu. Como homem, ele estava na condição caída de todos os seres humanos “porque todos pecaram” (Rm 3.23). Nesse sentido, todo ser humano precisa passar pelo processo de regeneração, experimentar uma ação divina no interior, ou seja, nascer de novo (Jo 3.5; 20.22; 15.5; 2 Co 5.17).

 

2. A religião não faz nascer de novo.

Nicodemos era um príncipe dos judeus. A inclusão do termo “fariseu” no relato evidencia que era um homem bem enraizado na religião judaica. Ele conhecia profundamente Deus, segundo a tradição monoteísta do judaísmo, os ensinos da Lei e dos Profetas e a história do seu povo. Mas ao que se nota, sua tradição não oferecia o que sua alma precisava. Por isso Nicodemos foi ao encontro de Cristo, identificando nEle o real poder de Deus, conforme podemos comprovar nestas suas palavras: “ninguém pode fazer estes sinais que tu fazes” (Jo 3.2). Conhecendo bem o coração desse príncipe dos judeus, Jesus foi direto ao ponto: “Aquele que não nascer de novo não pode ver o Reino de Deus” (Jo 3.3). Portanto, a nova vida que Nicodemos precisava só seria encontrada diretamente na ação poderosa do Espírito Santo (Jo 16.7-11; Rm 8.5-7).

 

3. O Novo Nascimento e seu processo.

A expressão “de novo”, que significa “do céu” (Jo 3.31; Gl 6.15; 1 Jo 3.9), mostra que a nova vida com Cristo, isto é, a vida eterna, gerada por intermédio da Palavra (1 Pe 1.23), vem de cima, de Deus e de mais ninguém (Jo 1.13). Para explicar esse processo de nascer de novo, nosso Senhor fez uso de dois termos: “água” e “Espírito”. Com a água, de acordo com o contexto do Evangelho de João, pode-se referir à Antiga Lei e, simbolicamente, ao seu sentido (Jo 1.33; 4.7-14; 7.38,39). Ora, nosso Senhor cumpriu a Lei (Mt 5.17), de modo que ao falar da velha ordem, a representação da água era assegurada; mas por intermédio da nova ordem, a Nova Aliança, por meio obra do Espírito Santo, a água iria jorrar para a vida eterna (Jo 4.14). Com o Espírito, nosso Senhor faz o uso analógico do vento, do grego pneuma (espírito, vento). Ninguém pode vê-lo nascer, nem para onde vai, mas pode senti-lo. Semelhantemente, a vida com Cristo se inicia pela regeneração (gennao – ser nascido) como obra do Espírito Santo que transforma pessoas pela fé em Cristo. Esse processo é um milagre do alto, um mistério da fé.

 

SINOPSE II

A caminhada com Cristo se inicia com o advento do Novo Nascimento, a obra divina de salvação.

 

AUXÍLIO BÍBLICO-TEOLÓGICO

“Regeneração: Nascimento e Renovação Espiritual Em João 3.1-8, Jesus discute uma das doutrinas fundamentais (isto é, ensinamentos, princípios básicos, as bases da crença) da fé cristã: regeneração (Tt 3.5), ou nascimento espiritual. Sem ‘nascer de novo’ no contexto espiritual, uma pessoa não pode se tornar parte do reino de Deus. Isso significa que a vida de uma pessoa deve ser espiritualmente renovada para que ela possa ser salva e receber o dom divino que é a vida eterna através da fé em Jesus. […]

 

O nascimento espiritual ocorre na vida daqueles que se arrependem do pecado (isto é, admitem seu pecado e mudam seu próprio caminho), se convertem a Deus (Mt 3.2) e entregam suas vidas a Jesus Cristo, reconhecendo-o como seu Senhor e Salvador – aquele que perdoa seus pecados e se torna o Líder de suas vidas. Esta experiência inicial da salvação espiritual envolve a ‘lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo’ (Tt 3.5)” (Bíblia de Estudo Pentecostal Edição Global. Rio de Janeiro: CPAD, 2022, p. 1847).

III. O NOVO TESTAMENTO E A CAMINHADA DE FÉ DO CRISTÃO


1. O Novo Testamento.

O conceito de Novo Testamento como Escritura é um processo gradual na vida da Igreja. No início, ele não era visto pela Igreja como um livro, mas como uma unidade que fazia a diferença entre a Antiga Aliança (a Lei) e a Nova Aliança (o Evangelho) com o cumprimento pleno em Cristo (Gl 4.4). Esse entendimento deriva das raízes bíblicas (2 Co 3.6). Nesse contexto, a palavra “aliança” ganha relevância.

 

Traduzida pela Septuaginta, da palavra grega diathéke, de acordo com Jeremias 31.31, ela tem o sentido de ordenação, dispensação e economia da salvação. Do latim, o termo testamentum traz essa mesma força descritiva do termo diathéke. Assim, do ponto de vista canônico, o Antigo e o Novo Testamentos formam as Escrituras Sagradas do cristão.

 

2. O tema principal do Novo Testamento.

O tema central do Novo Testamento é a pessoa de Jesus Cristo. Há diversos personagens apresentados nesse documento sagrado, mas todos ganham relevância apenas quando estão relacionados à sombra de nosso Senhor. Tudo se volta para a pessoa de Cristo, posto que seu ministério tem uma ênfase salvífica cujo interesse maior é o de reconciliar o mundo com Deus (Mt 1.21,23; Jo 1.14; 1Tm 2.5).

 

3. A importância do Novo Testamento na caminhada do cristão.

O Antigo Testamento tem grande importância para o povo de Deus. O Senhor Jesus o dividiu, evidenciando três categorias que apontavam para sua pessoa: Lei, Profetas e Escritos (Lc 24.44). Contudo, o cristão deve começar sua jornada de fé pelo Novo Testamento. Este documento sagrado reflete o desenvolvimento da revelação divina, envolvendo a vida e o ministério de nosso Senhor Jesus Cristo, no qual se desdobra todo o plano arquitetado por Deus a respeito da nossa salvação. No Antigo Testamento temos a promessa; no Novo, o seu cumprimento (Hb 1.1,2). Nesse testamento, temos a consumação do plano do Pai em Jesus para que o ser humano fosse reconciliado com Ele e iniciasse uma nova jornada de fé (2 Co 5.19).

 

SINOPSE III

O Novo Testamento é o documento cristão que deve fazer parte do início de nossa caminhada, pois ele revela todo o plano da salvação de Deus.

 

AUXÍLIO TEOLÓGICO

“As Fontes da História do Novo Testamento […] Todos os Evangelhos, incluindo os de Mateus e Marcos, que não formam parte de um complexo literário mais amplo, emanam do ministério evangelista e didático da Igreja. Eles foram escritos com o objetivo expresso de apresentar os fatos a respeito de Cristo de uma maneira que os homens possam crer nEle, e, tendo dado o passo inicial, possam continuar com uma fé inteligente. […] Os demais livros do NT representam diversos períodos e pontos de vista. A epístola de Tiago foi provavelmente originada da primeira metade do século, refletindo a reação judeu-cristã aos extremistas que faziam a salvação pela fé uma desculpa para a indiferença ética” (TENNEY, Merril C. Tempos do Novo Testamento: Entendendo o mundo do Primeiro Século. Rio de Janeiro: CPAD, 2010, pp.24,25).

 

CONCLUSÃO

A jornada com Cristo tem início com o Novo Nascimento. Ela se estende por meio de uma longa peregrinação espiritual até o relacionamento perfeito com Jesus (Mt 16.24). Nessa peregrinação, os que começaram a nova vida com Cristo podem contar com a presença do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Assim, seremos guiados pelas palavras do Novo Testamento que tratam da vida, morte e ressureição do Senhor Jesus, em quem a nossa fé está fundamentada.


REVISANDO O CONTEÚDO

1. O que é a nova vida com Cristo?

A nova vida com Cristo é o começo de uma nova história, de felicidade verdadeira e de plenitude no Espírito (Rm 8.2).


2. Quais os três companheiros da caminhada cristã?

A Santíssima Trindade: Pai, Filho e Espírito Santo.


3. Explique o termo “homem”, de acordo com a lição.

É um termo de uso genérico no texto e, por isso, seu sentido inclui todos os seres humanos.


4. O que a expressão “de novo” significa e, ao mesmo tempo, demonstra?

A expressão “de novo” significa “do céu” e demonstra que a nova vida com Cristo vem de cima, de Deus e de mais ninguém.


5. Por que o cristão deve começar sua jornada de fé pelo Novo Testamento?

Porque nesse testamento, temos a consumação do plano do Pai em Jesus para que o ser humano fosse reconciliado com Ele e iniciasse uma nova jornada de fé.


VOCABULÁRIO

Monoteísta: adepto do monoteísmo; doutrina que ensina a existência de uma única divindade

Analógico: relativo à analogia; relação de semelhança entre coisas ou fatos.

Septuaginta: Antiga tradução em grego do Antigo Testamento hebraico.

A CARREIRA QUE NOS ESTÁ PROPOSTA: O Caminho da Salvação, Santidade e Perseverança para Chegar ao Céu

Lições Bíblicas Adultos 2° trimestre 2024 CPAD

REVISTA: A CARREIRA QUE NOS ESTÁ PROPOSTA: O Caminho da Salvação, Santidade e Perseverança para Chegar ao Céu

Comentarista: Pr. Osiel Gomes

LIÇÕES:

Lição 1- O Início da Caminhada

Lição 2 - A Escolha entre a Porta Estreita e a Porta Larga

Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão

Lição 4 - Como se Conduzir na Caminhada

Lição 5 - Os Inimigos do Cristão

Lição 6 - As nossas Armas Espirituais

Lição 7 - O Perigo da Murmuração

Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado

Lição 9 - Resistindo à Tentação no Caminho

Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade

Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno

Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão

Lição 13 – A Cidade Celestial


Compartilhar:

CURSOS BÍBLICOS PARA VOCÊ:

1) CURSO BÁSICO EM TEOLOGIA Clique Aqui
2) CURSO MÉDIO EM TEOLOGIAClique Aqui
3) Formação de Professores da Escola Dominical Clique Aqui
5) CURSO OBREIRO APROVADO - Clique Aqui


Matricule-se já !