Salomão Foi Salvo?

Introdução
Muitas são as conjecturas a cerca da salvação de Salomão. Veremos o que dizem grandes estudiosos da Bíblia, sobre o arrependimento e salvação de Salomão.

I. SERÁ QUE SALOMÃO SE ARREPENDEU DE SEUS PECADOS?

1. A resposta do comentarista da Bíblia Champlin, Russell Norman
Alguns intérpretes supõem que Salomão não se tenha arrependido de sua idolatria e de seus fracassos, mas tenha morrido como homem de coração endurecido (1 Rs 11).



Outros encontram evidências de que ele se arrependeu e foi restaurado. Talvez a declaração final em Ec 1.13,14 possa ser usada em apoio a essa teoria, se é que podemos atribuir o livro de Eclesiastes à autoria salomônica.

Ele foi um escritor inspirado de parte do Antigo Testamento, e isso favorece a sua restauração final a Deus. Seja como for, não há por que supor que a missão de Cristo ao hades não tenha recolhido Salomão ao Seu redil (1 Pedro 3.18-4.6).

Enquanto Cristo salvava a outros nessa missão de misericórdia (o “evangelho foi pregado aos mortos” (1 Pedro 4.6), certamente Salomão não foi deixado de fora, se ele passou algum tempo naquele lugar lamentável, por causa de seus muitos fracassos e de sua idolatria.1

2. A resposta do comentarista da Bíblia Wlliam Macdonald

Dando a intender que Salomão não se arrependeu, o comentarista da Bíblia, Wlliam Macdonald, assim escreveu:
“O começo de Salomão foi melhor do que seu fim. Um bom começo não garante uma boa conclusão. Alcançou o ápice de grandeza, mas mergulhou no abismo de degradação moral e idolatria. Como teria sido bom se o rei houvesse praticado o que pregou em Eclesiastes 12:13-14”. 2

3. A resposta de Jimmy Swaggrt (Bíblia do Expositor)

A arrependeu-se Salomão afinal (1 Rs 11.43)?
As sagradas escrituras não nos dizem. Só podemos esperar que o escritor de Provérbios, Eclesiastes e o Cantares definitivamente tenha se voltado para Deus. Há uma pequena evidência que assim tenha acontecido... O fato de Deus não ter registrado (ver 2 Crônica 10.30,31) os grandes pecados de Salomão em seus últimos anos, talvez seja por alguma resposta que Salomão tenha alcançado, ao ter pedido Misericórdia, Perdão e Graça. Se assim aconteceu, estes pecados foram lavados e tirados, e, portanto não registrados. Esta é a única indicação que temos de que Salomão possivelmente tenha acertado as coisas com Deus antes de morrer.

VEJA TAMBÉM:

II. A GRAVIDADE DO ERRO DE SALOMÃO

O capítulo 11 de 1 Reis, descreve o declínio espiritual de Salomão, e as consequências disso.

1) Salomão começou como um homem que  amava ao Senhor, que andava nos estatutos dEle, e que edificou o templo dEle (1 Reis 3.3; 6.1). Experimentou o amor de Deus, a sua graça e a sua salvação; recebeu conhecimento espiritual especial (1 Reis 3.10-14; 2 Sm 12.24) e escreveu parte das Escrituras Sagradas sob a inspiração do Espírito Santo (ver 4.29-34).

2) Entretanto, Salomão endureceu-se pelo engano do pecado e desviou-se  do Senhor para seguir outros deuses; provocou o Senhor à ira e consequentemente foi castigado por Deus (1 Reis 11. 1-13; Dt 29.14-21; 30.15-20; Hb 3.12-14).

3) O erro fatal de Salomão foi o de buscar  poder, sucesso, riquezas e prazer sensual, contemporizando com a idolatria e o pecado, e tolerando-os. Salomão envolveu-se com:

a) alianças iníquas com nações pagãs (Tiro, 9.10-14; Egito, 1 Reis 3.1; 10.28,29; e outros povos, 9.25-10.13);

b) muitas esposas e concubinas estrangeiras para selar essas alianças (1 Reis 11. 1-8;

c) e cada vez mais riquezas e glória (1 Reis 10.14-19; 1 Tm 6.9).

Leia em Deuteronômio 17.14-20, os preceitos de Deus aos reis, quanto a firmar alianças com estrangeiros, adquirir cavalos no Egito, multiplicar esposas e  acumular cada vez mais ouro.

O mesmo capítulo que menciona a apostasia de Salomão, fala da sua morte, sem qualquer indicação de que ele tenha se arrependido e voltado para Deus. O escritor das Crônicas fala da advertência de Davi a Salomão: "porém, se o deixares [a Deus], rejeitar-te-á para sempre" (1 Cr 28.9).

A verdade bíblica aqui revelada é que Salomão, antes desfrutando da graça de Deus, não permaneceu nessa graça. A Palavra de Deus nos adverte aqui: se um rei que recebeu grandiosos dons, ministério e graça, caiu, então todo aquele que está em pé tome cuidado para que não caia (1 Co 10.12).3

Segundo a tradição judaica, Salomão escreveu Cantares quando jovem; Provérbios, quando estava na meia-idade, e  Eclesiastes, no final da vida.

Se essa tradição estiver correta, então é certo que no final da sua vida o Rei Salomão deixou a idolatria (1Reis 11) e passou a temer a Deus, pois segundo o próprio Salomão concluiu, o mais importante é temer a Deus e guardar os seus mandamentos (Ec 12.13,14 - NAA),  e  um   dos   mandamentos  é   justamente  a proibição a adoração aos falsos deuses (Êx 20.3; Dt 5.7).

 

É bem provável que Salomão tenha escrito Provérbios (Pv 1.1; 1 Rs 4.32) e Cantares (1.1) no tempo em que ainda era fiel a Deus e que, no fim de seus dias, tenha escrito o Livro de Eclesiastes. Não há registro algum de que o rei se arrependeu e voltou para o Senhor, mas sua mensagem em Eclesiastes sugere que foi o que aconteceu. Eclesiastes dá a impressão de ser o tipo de livro que uma pessoa escreveria perto do final da vida, refletindo sobre as experiências e as lições aprendidas” (Warren W. Wiersbe).


Conclusão
A bíblia é clara ao falar dos pecados de Salomão (1 Reis 11), mas não diz acerca do arrependimento de Salomão. Cabe a você leitor e eu segui o que diz a bíblia:
“Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar (1 Pedro 5.8)”.
“ Assim, aquele que julga estar firme, cuide-se para que não caia (1 Co 10.12 – KJA)”.


Baseado em Eclesiastes 12.13, Há quem diga que Salomão, já estando no fim de sua vida, tenha se arrependido de seus pecados e se voltado para o Senhor Deus. 

Veja:

De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem (Ec 12.13).

Leituras para Aprofundar

Informações Aqui
***
***
***

Informações Aqui

***

Informações Aqui

***

Informações Aqui


Autor: Jair Alves
Bibliografia
1. Champlin, Russell Norman
2. Wlliam Macdonald
3. Bíblia de Estudo Pentecostal

Imagens de tema por gaffera. Tecnologia do Blogger.