Featured


FECHAR <----
Veja Também:
E-book A Bíblia Responde Acesse Aqui
Curso para Professores da Escola Dominical Acesse Aqui
Práticas Pedagógicas para Professores EBD Acesse Aqui

 


Temos diante de nós o texto bíblico da lição e a revista da Escola Dominical. Como desenvolveremos o tema da lição? Considere as seguintes sugestões:

1. Comece logo no início da semana e estude diariamente
Um plano excelente é você dedicar meia hora por dia, no mínimo, para o estudo da lição do próximo domingo. Será melhor ainda se você puder estudar sempre à mesma hora, todos os dias, a partir de segunda-feira.


Por que começar tão cedo, na segunda-feira?
Começar cedo dá tempo para um estudo consciencioso, com oração e meditação, para que a lição penetre na mente e no coração do professor, e chegue a fazer parte dele. Assim como uma criança pode dominar uma bicicleta e rodar nela com espantosa habilidade, podemos dominar em nossa mente as verdades da lição pelo estudo e meditação contínuos.

LEIA TAMBÉM:

LEMBRETE!
Lembre-se de que por meio da oração é possível estimular sobrenaturalmente as nossas faculdades mentais. "Ele os guiará em toda verdade", diz-nos Cristo. Note que a palavra "guiar" subentende que devemos estar procurando a verdade, ou em outras palavras: estudando.

Dando maior importância a lição
Estude-a todos os dias. Arranje tempo para pensar nela todos os dias. Relembre a lição — a última coisa antes de orar e dormir. Pense na lição na manhã seguinte, enquanto se barbeia, toma banho, vai ao trabalho, espera o elevador ou almoça. Dialogue sobre a lição com seus amigos. Faça dela seu tema de conversa. Faça a si mesmo todas as perguntas prováveis, referentes à lição.

2. Estude conscienciosamente
"O professor em uma metalúrgica", é o título de um dos capítulos de um livro de Marion Lawrence para obreiros da Escola Dominical.
Diz o autor: "Quatro quilos de aço darão um machado, mas quatro quilos de aço não são um machado. Três coisas são exigidas: forma, fio e polimento. O estudo diário consciencioso faz isto para o professor da Escola Dominical. O professor é o eixo em torno do qual a Escola Dominical gira. Se o professor estiver bem preparado, então o eixo está bem lubrificado e o rolamento de esferas gira bem. O trabalho de ensinar será mais fácil."

Eis algumas sugestões quanto ao estudo do professor:


1- Estude o texto bíblico da lição antes de ler a revista.
Estude o texto bíblico como se você não tivesse a revista para ajudá-lo.
Ela nos ajuda a organizar sistematicamente a matéria que obtivemos de nosso estudo pessoal do texto. A revista explica alguns detalhes que talvez nos tenham parecido obscuros. A revista nos provê novos pensamentos e ilustrações.
2- Ajunte mais material do que você acha que vai precisar para sua aula.

O que escreveu Dale Carnegie acerca do preparo de um discurso aplica-se ao preparo da lição de Escola Dominical: "Colha mais material, mais informações do que tenha necessidade de usar. Exagere, para inspirar confiança à sua classe e despertar nela o amor ao estudo, pois só quem conhece a fundo a matéria pode inspirar esse amor e confiança. Se você amar o estudo, saberá o efeito que tal amor exercerá sobre sua mente e coração e sobre suas aulas."

3- Estude afundo a lição.
Se, por exemplo, a lição se encontra na epístola aos Gálatas, estude a epístola inteira; se vai começar uma série de aulas acerca de um dos Evangelhos, seria excelente ler primeiro o Evangelho inteiro.
Se a lição trata de um dos acontecimentos da vida de Josias, estude todos os capítulos nos livros de Reis e de Crônicas que falam de seu reinado, e também as profecias em Jeremias e Sofonias, que foram pronunciadas durante este período. Para que todo esse trabalho? Por que quanto melhor conhecermos o todo, mais compreensível nos será a parte.
4. Prepare sua aula em oração

Seu primeiro objetivo, como professor da Escola Dominical, não é de ordem intelectual, mas espiritual: a edificação do caráter cristão em seus alunos. Mas tentar partilhar conhecimento espiritual com êxito, sem o poder espiritual que vem pela oração, seria como tentar locar um órgão de tubos sem que haja eletricidade.

Lembrete:
Ore antes. Durante. Depois de preparar suas aulas.

5. Prepare a si mesmo

O professor é mais importante que a própria aula, o trabalhador é mais importante que seu trabalho. Emerson disse: "Deixe-me escolher o professor e não importa quem escolha a matéria."

A vida do professor é que dá força a seu ensino; o que ele é, influi com mais força sobre a classe do que o que ele diz.

Conclusão
O professor deve perguntar a si mesmo:
Sou um exemplo da verdade que tento inculcar em meus alunos?
Procuro ensinar-lhes a ser pacientes?
E eu, sou paciente?
Esforço-me para ensinar-lhes a orar?
Eu oro?

LEIA TAMBÉM:

Adaptado dos Escritos de: Myer Pearlman
Divulgado por: Subsídios ebd
Fonte Original: Ensinado como êxito na escola dominical
Editora: Editora Vida
Fonte: sub-ebd.blogspot.com.br
 
Top