NATAL - O Crente Pode Comemorar esse dia?

Para os cristãos, pouco importa se Jesus nasceu ou não em dezembro, e se antes do cristianismo outras tradições faziam comemorações na mesma época. O Natal é uma celebração - e não um ritual - do seu nascimento, o momento em que o Verbo se fez carne e habitou entre nós (Jo 1.14), trazendo salvação a todos os homens.


Mas o Verbo é Eterno. Ele é antes de tudo. Todas as coisas foram feitas por Ele, e sem Ele nada do que foi feito se fez. NEle estava a vida e a vida era a luz dos homens (Jo 1.3-4).


Quanto ao Natal, somente Cristo pode dar-lhe significado. Até podem mudar o nome e a forma de comemoração, mas Natal só existe um. Ele é a razão de ser de todas as coisas. E a celebração é somente a lembrança de um Rei humilde que aniquilou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens (Fp 1.7).


E interessante que mesmo os ateus utilizam a expressão Natal - que significa nascimento. Ou seja, no final de tudo, até os ateus precisam de Cristo no Natal! [Valmir Nascimento]

Mais informações no vídeo 👇



Imagens de tema por gaffera. Tecnologia do Blogger.