FECHAR <----
 


Subsídio Bíblico para a Lição dos Adultos (CPAD). LIÇÃO 4 | 3° Trimestre de 2020
Os israelitas começaram a construir de novo o Templo de Deus, que fica em Jerusalém (Ed 3.8 – NTLH). Quando os construtores colocaram os alicerces do Templo, foi feito o que hoje chamamos de culto de ação de graças, o culto de agradecimento ao SENHOR. A liturgia do culto está em Esdras 3.8-13).


A construção do templo começou catorze meses depois do retomo do exílio (Ed 3.8-13). Não demorou muito para começar a perseguição contra a continuação da construção do templo.

1. ESTRATÉGIAS PARA IMPEDIR A CONSTRUÇÃO DO TEMPLO
(1) Os inimigos de Israel se ofereceram para participarem da construção do templo (Ed 4.1,3 – NTLH). “Queremos construir o Templo junto com vocês (Ed 4.2 – NTLH).

Obviamente a intenção era atrapalhar pelo lado de dentro. Isso nos lembra o que está acontecendo hoje em muitas denominações evangélicas. Ou seja, as pessoas estão vindo para as igrejas e trazendo junto os costumes contrários aos princípios bíblicos (exemplos: aborto, homossexualismo, fornicação, mentiras, adultério...).

Uma das estratégias de Satanás neste século XXI, é destruir a igreja pelo lado de dentro, ou seja, ele usa falsos cristãos para promover o pecado dentro da igreja.

A liderança responsável pela construção do templo teve discernimento e não deixou os inimigos de Israel ajudar na construção.

   “[...] Não precisamos que vocês nos ajudem a construir um templo para o SENHOR, nosso Deus. Nós vamos fazer isso sozinhos, como Ciro, rei da Pérsia, mandou (Ed 4.3 -NTLH).
Os comentaristas observam que as pessoas que se ofereceram para ajudarem os israelitas na construção do templo, eram na verdade os “Samaritanos”.

As aparências indicavam que os samaritanos estavam agindo como vizinhos piedosos, mas se tratava de uma oferta traiçoeira e perigosa.

Uma vez que era uma mistura de várias raças, o povo samaritano não poderia ser considerado verdadeiramente judeu. Quando os assírios conquistaram o reino do Norte, misturaram intencionalmente as nações que haviam derrotado, o que levou a uma confusão racial e religiosa (2 Rs 17.24-41).

Os samaritanos não adoravam o verdadeiro Deus vivo, pois "temiam o SENHOR e, ao mesmo tempo, serviam aos seus próprios deuses" (2 Rs 17.33; ver Jo 4.22).

💡 Aprofunde seu conhecimento, veja:
👉  O que havia de tão perigoso na oferta dos samaritanos?
👉  Os Inimigos de Israel promoveram o medo e o suborno para tentar parar a construção do templo.
👉  Os Inimigos de Israel enviaram carta ao rei com argumento falacioso e bajulador...
Obs. Este conteúdo está na Revista Cristão Alerta, 👉Clique Aqui

Veja as Lições Dominical em áudio👇
 
Top