Featured

 


FECHAR<===


LEITURA DIÁRIA
SEG. Is 40.8: A Palavra de Deus permanece eternamente
TER. Hb 4-12: A Palavra de Deus é viva e eficaz
QUA. 2 Tm 3.15-1: Toda a Bíblia é divinamente inspirada
QUI. SL 1.1-6; Medite na Lei do Senhor Palavra de Deus através das palavras dos homens
SEX. 2Pe 1.20.21: Palavra de Deus através das palavras dos homens
SAB. Sl 119.97: O prazer de quem ama a Palavra do Senhor
OBJETIVOS
Compreender o que é a Bíblia Sagrada.
Conhecer os termos revelação e inspiração.
Buscar ter um relacionamento diário com a Palavra de Deus.
TEXTO ÁUREO
"Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo" (1Pe. 1.21).
 LEIA TAMBÉM:

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
Salmos 119.1-12; 2Timóteo 3.15-17
Salmos 119.1-12
1 BEM-AVENTURADOS os retos em seus caminhos, que andam na lei do SENHOR.
2 Bem-aventurados os que guardam os seus testemunhos, e que o buscam com todo o coração.
3 E não praticam iniqüidade, mas andam nos seus caminhos.
4 Tu ordenaste os teus mandamentos, para que diligentemente os observássemos.
5 Quem dera que os meus caminhos fossem dirigidos a observar os teus mandamentos.
6 Então não ficaria confundido, atentando eu para todos os teus mandamentos.
7 Louvar-te-ei com retidão de coração quando tiver aprendido os teus justos juízos.
8 Observarei os teus estatutos; não me desampares totalmente.
9 Com que purificará o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra.
10 Com todo o meu coração te busquei; não me deixes desviar dos teus mandamentos.
11 Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti.
12 Bendito és tu, ó SENHOR; ensina-me os teus estatutos.

2Timóteo 3.15-17
15 E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus.
16 Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça;
17 Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.
SINTETIZANDO
Na lição de hoje estudaremos a cerca do livro mais importante do mundo, a Bíblia Sagrada. Vamos aprender a respeito da necessidade de uma autor-revelação da parte de Deus ao homem e os significados dos termos "revelação" e "inspiração". Veremos que embora perseguida, a Bíblia permanece viva e atual, digna de ser alvo de nossa leitura, meditação e amor.

INTRODUÇÃO
A Bíblia é a Palavra de Deus? Sim! Ela é a inerrante, inspirada e eterna Palavra de Deus. Mediante a sua leitura podemos desenvolver um relacionamento saudável com o seu Autor. Deus deseja conversar com você mediante a sua Palavra. É maravilhoso quando sentimos a presença de Deus e ouvimos sua voz poderosa durante a leitura das Escrituras Sagradas. O Livro de Deus é indispensável para todos aqueles que desejam ter uma vida saudável em todos os aspectos.

A AULA VA! COMEÇAR!
Caro professor, prezada professora, depois de orar pelo inicio da aula, faça a seguinte indagação: "O que a Bíblia é para você?" Estimule um rápido debate, acrescentando a seguinte reflexão: Se a Bíblia é a Palavra de Deus, por que alguns de nós dedicamos tão pouco tempo para ler e meditar nos seus ensinos? Para concluir, diga que a Bíblia não somente contém a Palavra de Deus, ela e a revelação do Todo-Poderoso ao homem. Embora seja um livro antigo, sua mensagem e atual, pois seus autores foram inspirados pelo Espírito Santo.

1. CONHECENDO A BIBLIOTECA DE DEUS
Você sabe a origem do termo "Bíblia"? Este termo se origina do grego biblion que significa livro. A Bíblia é um livro singular. Diferente de todos os outros já escritos e até mesmo lidos por você. Ela é a maravilhosa biblioteca de Deus, composta por 66 livros (39 do Antigo Testamento e 27 do Novo) que revelam o plano integral de Deus de redimir e recuperar toda a criação manchada pelo pecado.

Ela foi escrita em um período de aproximadamente 1600 anos, por cerca de 40 escritores diferentes. A Bíblia foi escrita em três idiomas: hebraico, aramaico e grego. Nela encontramos diversos estilos literários, porém ela possui uma harmonia surpreendente. Sua harmonia está no fato de ter um único autor: o Deus Todo-Poderoso. Seu tema principal é a pessoa do Senhor Jesus Cristo, e seu supervisor e intérprete por excelência é o Espírito Santo.

A Bíblia está dividida em duas partes principais: Antigo Testamento e Novo Testamento. Seu propósito, como disse Paulo ao jovem Timóteo, é tornar-nos sábios "para a salvação pela fé em Cristo Jesus" (2 Tm 3.15).

Na biblioteca de Deus não há espaço para a mentira ou engano, pois ela é a au-torrevelação do próprio Deus, uma espécie de autobiografia divina. É Deus falando de si mesmo (Jo 5.39). A Bíblia foi e sempre será o livro infalível de Deus. Embora seja um Livro antigo, consegue ser mais atual que qualquer jornal do dia. Mas afinal de contas, o que a torna tão diferente de todos os demais livros? Para responder essa pergunta precisamos conversar sobre duas palavras importantes: revelação e inspiração. Revelação, segundo o pastor António Gilberto "é a ação de Deus pela qual Ele dá a conhecer ao escritor coisas desconhecidas, o que o homem, por si só, não poderia saber". É Deus se revelando de forma progressiva para toda a humanidade através das suas palavras e ações. Como afirmou o pastor britânico John Stott, "na natureza a revelação de Deus é visualizada, na Escritura é verbalizada, e em Cristo é tanto uma coisa como a outra, pois Ele é a Palavra que se fez carne". Segundo Stanley Horton, "a revelação é o ato de tornar conhecido algo que antes era desconhecido."

Inspiração é a segunda palavra necessária para compreendermos a singularidade das Escrituras. Inspirar, no sentido fisiológico, é a inspiração do ar para dentro dos pulmões. Em 2 Timóteo 3.16, a expressão inspirada, significa literalmente soprada por Deus. Logo, quando Paulo diz que "toda Escritura divinamente inspirada", ele está dizendo que a Bíblia é a Palavra de Deus, falada por Ele ou soprada pela boca do próprio Criador 2Tm 5.18; 2Pe 3.16). Os escritores foram movidos pelo Espírito Santo para registrarem o texto soprado por Deus (2Pe 1.21). Porém, o Senhor respeitou o estilo, o vocabulário e o modo de ser de cada escritor. A Bíblia é a Palavra de Deus através das palavras de homens - eles falaram da parte de Deus, e Ele falou através deles.
Clique e acesse


AÇÃO TÓPICO l
Faça um Quiz a respeito da Bíblia com seus alunos utilizando o seguinte slogan: Responda se souber o mais rápido que puder. Pergunte: "Quantos livros têm a Bíblia?" "Quais são suas principais divisões?" "Quem é o Autor da Bíblia?" "Quantas pessoas escreveram a Bíblia?" "Em quais idiomas ela foi escrita?" "Quantos Evangelhos ela têm?" "Quem é a pessoa mais importante na Bíblia?"

2. A BÍBLIA PERMANECE SEMPRE VIVA
Não obstante ser o livro mais publicado, vendido e lido da história, a Bíblia também é o livro mais perseguido de todos os tempos. Muitos exemplares da Bíblia já foram queimados. As pessoas eram proibidas de ler sua mensagem. Entretanto, apesar de toda oposição o livro de Deus resistiu à prova do tempo e tem demonstrado sua origem, durabilidade e autoridade divina.

Voltaire, um filósofo ateu do século XVII, certa vez ousou profetizar o fim da Bíblia Sagrada, dizendo que 200 anos após sua morte o livro de Deus seria extinto ou totalmente desacreditado. Entretanto, para decepção do falso profeta, três séculos se passaram e a Bíblia continua atual, poderosa e operosa, sendo traduzida em centenas de idiomas e dialetos. E para surpresa e espanto dos discípulos de Voltaire, hoje a casa onde ele morou foi transformada na sede da Sociedade Bíblica Francesa. Ali milhares de Bíblias são impressas todos os anos.

As Escrituras estão repletas de textos que afirmam sua indestrutibilidade em razão de ser ela a própria Palavra de Deus (SI 119.89; Is 40.8; Mt 5.17,18; 24.35).

O tema central da Bíblia é Jesus Cristo. No Antigo Testamento, podemos encontrar várias profecias que falavam a respeito da vinda do Messias (Dt 18,15-18). Todas estas profecias se cumpriram em o Novo Testamento. Milhares de profecias bíblicas já se cumpriram, provando que ela é a Palavra de Deus.

AÇAO TÓPICO 2
Inicie esse tópico fazendo as seguintes indagações: "O que é inspiração?" "Existe, além da Bíblia, outro livro que seja inspirado?"

3. TEORIAS FALSAS A RESPEITO DA INSPIRAÇÃO DA BÍBLIA
Não faltam teorias falsas com relação à inspiração da Bíblia, pois o Inimigo faz de tudo para que as pessoas não venham crer na revelação de Deus.
Vejamos três das principais falsas teorias:

a) Teoria da inspiração natural, humana.
Esta teoria afirma que a Bíblia foi escrita por homens dotados de grande capacidade intelectual, verdadeiros génios. Seus precursores negam o sobrenatural e que os autores foram inspirados por Deus.

b) Teoria da inspiração parcial.
Como o nome já diz, seus teólogos aceitam que partes da Bíblia são inspiradas e outras não. Acreditam que a Bíblia não é a Palavra de Deus, mas apenas contém a Palavra. Caso fosse uma teoria verdadeira, já pensou na confusão que seria. Como saberíamos qual parte foi inspirada e qual não foi? Podemos refutar esta teoria com o texto bíblico de 2 Timóteo 3.16: "Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver".

c)Teoria do ditado verbal.
Segundo o pastor António Gilberto, "esta falsa teoria faz dos escritores verdadeiras máquinas, que escrevem sem qualquer noção de mente e raciocínio". Deus usou o intelecto dos escritores sagrados.

AÇÃO TÓPICO 3
Leia com os alunos 2 Timóteo 3.16. Depois faça a seguinte indagação: "Toda a Escritura é inspirada por Deus?" Para explicar a questão utilize o Subsídio 2 da lição.

4. RELACIONANDO-SE COM AS ESCRITURAS
Atualmente existem inúmeras "vozes" que vão tentar desviar sua atenção da Palavra de Deus. Muitos jovens passam horas nas redes sociais e já não tem mais tempo para a Leitura diária da Bíblia. Você pode utilizar as redes sociais, contudo, não permita que nada venha impedi-lo de ler e meditar nas Sagradas Escrituras.

A Bíblia é e continuará sendo nosso manual de fé e prática. A sua leitura vai levá-lo ao conhecimento do Deus verdadeiro. Você será conduzido a Jesus Cristo - o verbo vivo - autor e consumador de nossa fé, doador da vida eterna (Jo 6.68). Leia a Bíblia diariamente, pois ela é o único livro que possui toda a verdade revelada por Deus (Jo 8.32). Em suas páginas não existem mentira ou engano.

Jesus, o Filho de Deus declarou sua aprovação em relação às Escrituras, ou seja, o Antigo Testamento. Jesus viveu e cumpriu toda a Palavra. O Salvador não somente lia a Palavra, mas a ensinava também (Mc 1.21). Quanto tempo você tem dedicado a leitura da Bíblia?

No Salmos 119.97, o sábio poeta expressa que seu amor pela Palavra de Deus não está à venda, nem tão pouco desgastado pelo tempo. Declara com entusiasmo, orgulho e convicção: "Oh! quanto amo a tua lei. É a minha meditação todo o dia".

AÇÃO TÓPICO 4
Inicie esse tópico fazendo as seguintes perguntas: "Quem já leu a Bíblia toda?" "Quantas horas no seu dia você dedica a leitura das Escrituras Sagradas?" Após, indague, sem intenção de constrangê-los: "Quantas vezes entraram no Facebook e postaram?" É necessário tirá-los da zona de conforto, do comodismo, da mesmice espiritual. Incentive-os a estabelecerem um relacionamento com Deus por intermédio da leitura Bíblica.

SUBSÍDIO 1
A Bíblia declara ser a Palavra de Deus
"A Bíblia declara ser 'a Palavra de Deus muitas vezes nestes próprios termos. Jesus disse aos judeus da sua época: 'Assim, por causa da sua tradição, vocês anulam a palavra de Deus' (Mt 15.6 - NVI). Paulo se refere às Sagradas Escrituras como os 'oráculos de Deus1 (Rm 3.2), e Pedro declara: 'sendo de novo gerados, não de semente corruptível, mas da incorruptível, pela palavra de Deus. viva e que permanece para sempre' (l Pé 1.23). E o autor de Hebreus afirma: 'Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes' (Hb 4.12).

Definição de Inspiração
A inspiração é a operação sobrenatural do Espírito Santo, que, por intermédio de diferentes personalidades e estilos literários dos autores humanos escolhidos, investiu as palavras exatas dos livros originais das Sagradas Escrituras, em separado ou no seu conjunto, como a própria Palavra de Deus, isenta de erro em tudo o que ensina ou implica (inclusive em matérias de História e Ciência), e a Bíblia é, dessa forma, a regra infalível e a autoridade final de fé e prática para todos os crentes" (GEISLER, Norman. Teologia Sistemática, vol.1. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2010. pp.218 e 223).

SUBSÍDIO 2
Inspiração verbal e plenária da Bíblia
"É a doutrina que assegura ser a Bíblia, em sua totalidade, produto da inspiração divina. Plenária: todos os livros da Bíblia, sem qualquer exceção, foram igualmente inspirados por Deus, Verbal: o Espírito Santo guiou os autores não somente quanto às ideias, mas também quanto às palavras dos mistérios e concertos do Altíssimo (2 Tm 3.16).

A inspiração plenária e verbal, todavia, não eliminou a participação dos autores humanos na produção da Bíblia. Pelo contrário: foram eles usados de acordo com seus traços personais, experiências e estilos literários (2Pe 1.21).

Se no profeta Isaías deparamo-nos com um estilo sublime e clássico, em Amos encontramos uma prosa simples e humilde, como os campos palmilhados pelo mensageiro campesino. E, se em Paulo encontramos um grego que se amolda à dicção do heleno ático, em Marcos encontramos um grego humilde como humilde era o seu autor. Contudo, tanto nos primeiros como nos segundos, não podemos negar a exatidão e a ortodoxia da inspirada Palavra de Deus (Teologia Sistemática Pentecostal. 4.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2010, pp. 31-2).

PARA CONCLUIR
A Bíblia é a inspirada Palavra de Deus, preservada pelo Espírito Santo. Creia nas Sagradas Letras, pois como disse Jesus: "Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam" (Jo 5.39). Não permita que nada o impeça de ler diariamente a Palavra de Deus. Não substitua a leitura bíblica pelas redes sociais. Ouça a voz de Deus, medite na sua Palavra e jamais se esqueça: Ele se autorre-velou nas Escrituras a fim de que você o conheça.

CARO PROFESSOR, "ler a Bíblia com entendimento (exegese), significa essencialmente fazer as perguntas certas quanto ao que encontramos nela. E, quais são as perguntas certas? Vejamos: Quem escreveu o livro? Qual idioma foi usado pelo escritor? O que essas palavras significam? Que tipo de literatura estou lendo? Por que o escritor disse isto? A quem o livro foi escrito? (Adaptado do Manual do Estudante, CPAD, pp. 133-34).

HORA DA REVISÃO
1. Quantos livros tem a Bíblia?
R: Tem um total de 66 livros.
2. Quantos foram os escritores sagrados e quanto tempo levou para a Bíblia ser concluída?
R: Foram 40 escritores. Levou 1.600 anos para ser concluída.
3. Quais as principais divisões da Bíblia?
R: Antigo Testamento e Novo Testamento.
4. Qual o significado do termo revelação?
R: O significado é tornar manifesto, retirar o véu e mostrar algo que estava encoberto.
5. Qual o significado do termo inspiração?
R: A expressão inspirada, significa literalmente soprada por Deus.


- REVISTA JUVENIS PROFESSOR 1º TR. DE 2018
- Título do Trimestre: Avivamento para a Juventude
- Classe: de 15 a 17 anos – Juvenis
- Editora: CPAD
- Comentarista: Rafael Luz
- Reverberação: Subsídios EBD
 
Top