As fortes chuvas castigaram a Bahia nos últimos dias e afetaram cerca de 470 mil pessoas

Em Itabuna, município do sul da Bahia, o Rio Cachoeira transbordou, cobrindo ruas do centro da cidade Foto: STRINGER / REUTERS

As fortes chuvas que castigaram a Bahia nos últimos dias afetaram cerca de 470 mil pessoas, segundo divulgou a Defesa Civil nesta segunda. O número de mortos chegou a 20. Uma base de apoio às vítimas das chuvas foi montada na cidade de Ilhéus. No total, 116 municípios registraram estragos.

 

Dois fenômenos meteorológicos

Dois fenômenos meteorológicos foram responsáveis pelas chuvas fortes que atingiram as cidades do sul da Bahia: uma ZCAS (Zona de Convergência do Atlântico Sul) e uma frente fria vinda do Espírito Santo. Esses dois fenômenos, de acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), ocorreram três vezes no mês de dezembro nessa região do estado.

 

A ZCAS se espalhou pela Bahia, o que é totalmente fora do normal, e despejou aguaceiros numa região cerca de 1.000 quilômetros ao norte da que costuma ocorrer (o Sudeste). E esse fenômeno, que por si só já seria raro, aconteceu duas vezes no mesmo mês — destaca o cientista do Cemaden, instituição que alertou com antecedência de cinco dias sobre o risco de tragédia na Bahia e cuja ação coordenada com a Defesa Civil e prefeituras baianas permitiu a retirada de muita gente de áreas de risco, evitando que o número de mortos fosse ainda maior.

Por: EBD NEWS| Com informações: NOTÍCIAS UOL | O GLOBO |Atualizado: 27/12/2021

VEJA TAMBÉM:

💡 Lições Bíblicas – Aqui

💡 Estudos Bíblicos – Aqui

💡 Artigos para Professores EBD – Aqui

💡 Notícias do Brasil e do Mundo – Aqui

📚 Veja nossos E-books - Aqui

Auxílios para a Escola Dominical
Receba Lições, Artigos e Subsídios! É Grátis. Digite seu E-mail e em seguida abra o seu e-mail e clique em nosso link de confirmação:


Imagens de tema por gaffera. Tecnologia do Blogger.