FECHAR <----
CLIQUE AQUI
 

Lição Bíblica de Adolescentes
Trimestre: 3° de 2019
Editora: CPAD
Revista do Professor
Reverberação: Subsídios EBD
Outras Lições: Acesse Aqui
TEXTO BÍBLICO
1Samuel 3.1-21
Destaque
"Então o SENHOR veio e ficou ali. E, como havia feito antes, disse: — Samuel, Samuel! — Fala, pois o teu servo está escutando! — respondeu Samuel" (1Sm 3.10).

LEITURA DEVOCIONAL
SEG.............................................................Gn 12.1,2;22.11
TER......................................................................Êx 3.2-4
QUA.....................................................................Is 6.1-13 QUI......................................................................At 9.10
SEX......................................................................Ef 1.18
SÁB.....................................................................Ef 4.1
DOM....................................................................1Ts 2.12
Objetivos
Compreender que Deus tem um chamado especial para cada um de seus servos;
Refletira respeito da responsabilidade de ser um profeta de Deus; Adquirir intimidade com Deus.


Material Didático
Professar, seguindo a atividade indicada na seção "Quebrando a rotina" elabore e leve pronto para os alunos a relação de referências bíblicas que relatam o chamado de Deus'. Distribua para cada grupo, a fim de nortear os alunos na dinâmica sugerida.

Quebrando a Rotina
Olé professor! Os adolescentes nesta fase estão passando por mudanças em seus corpos, emoções, mentes e "status" social, e não é de se admirar que sejam muito inibidos. Por isso, é importante que tenha a auto-estima saudável, que desenvolvam as habilidades sociais e se sintam confiantes. Sendo assim, sugerimos que você realize um trabalho de grupo de estudo com seus alunos a fim de dinamizar a comunicação entre eles.
Divida a classe em pequenos grupos de três a cinco alunos, e distribua para cada grupo uma folha de papel, contendo uma referência bíblica que relata o chamado de Deus. Permita que leiam e conversem entre si sobre o personagem bíblico a quem Deus chamou.

Ao final, reúna todos os grupos e peça que relatem o que aprenderam com o exemplo bíblico acerca do chamado, de Deus e quais as implicações que-impedem o adolescente da atualidade a se dedicar ao ministério da casa do Senhor. Solicite que entreguem o relatório por escrito ao final da aula. Esse método envolve mais os alunos, uma vez que favorece a participação de todos. Tenha uma boa aula!

ESTUDANDO A BÍBLIA
Caro professor, a adolescência é uma fase muito dinâmica e, ao mesmo tempo, de mudanças significativas, inclusive no comportamento.           É uma fase de descobertas, de influenciar e ser influenciado. Nessa etapa, muitos adolescentes aderem a um determinado grupo a que chamam de "tribo". Cada Tribo possui um estilo específico de vestir, andar, enfim, eles se identificam por gostos diferentes entre si. Por esta razão, é indispensável que os seus alunos aprendam a importância de estar na casa de Deus, de servir ao Senhor, de entender que Deus tem um chamado para a vida de cada um de nós, e que ser um instrumento de Deus é um privilégio, mas também uma grande responsabilidade. O cristão também tem um estilo específico: ele deve ser parecido com Jesus. Enfatize que, assim como Deus chamou a Samuel, e este ouviu o chamado do Senhor, nós também devemos estar atentos ao chamado de Deus para nossas vidas.

Estamos vivendo numa época em que as pessoas estão mantendo relacionamentos à distância. A internet, as redes sociais, grupos de mensagens instantâneas, enfim, são formas de dinamizar o tempo que as pessoas não têm para conversar. No entanto, para o adolescente, tudo acontece em uma velocidade bem maior. Por isso, estimule os seus alunos a gastarem mais tempo em oração e leitura da Palavra. Realize também grupos de estudo acerca de um tema que seja da curiosidade deles. Considere o contexto social em que estão inseridos e o que atende às maiores necessidades desta etapa da formação humana. Pois é de suma importância que os adolescentes sejam influenciados a conhecer o que Deus tem reservado para cada um deles, ainda nesta fase da vida.

Samuel ainda era um menino quando o Senhor o chamou. Naqueles dias, poucas eram as mensagens que vinham do Senhor, e as visões também eram muito raras. Certa noite, o Senhor falou ao ouvido de Samuel quando este se preparava para dormir; porém, ele ainda não conhecia a voz do Senhor. Então, o sacerdote Eli compreendeu que Deus estava chamando o menino. O sacerdote orientou o menino a que se prontificasse a ouvir a voz do Senhor. Quando Samuel tornou a ouvir a voz do Senhor, então lhe respondeu: — Fala, pois o teu servo está escutando! (1Sm 3.10).
A partir daquele momento, Samuel se tornou um grande profeta usado por Deus (1Sm 3.19-21). Nesta lição, aprenderemos com Samuel que o Senhor também tem um chamado para cada um de nós. Mesmo ainda adolescentes, podemos ouvir a voz de Deus e sermos usados por Ele. Que possamos ouvir e também dizer para o Senhor: Fala Senhor, pois estamos escutando!
 
Deus aparece a Samuel
O sacerdote Eli já era de idade, e seus filhos não queriam mais obedecer à voz do Senhor. Porém, o menino Samuel era fiel e obediente a Deus. Ele dormia na Tenda Sagrada, onde ficava a arca da Aliança. Certa noite, Samuel estava se preparando para dormir, quando ouviu uma voz suave chamando: "— Samuel, Samuel! —Estou aqui! —respondeu ele. Então, o menino correu até Eli e disse: — O Senhor me chamou? Estou aqui. Mas Eli respondeu: Eu não chamei você. Volte para sua cama. E Samuel voltou" (1Sm 3.4,5). Isso ocorreu por duas vezes.

Samuel ainda não conhecia a voz do Senhor, pois Ele ainda não tinha ouvido Deus falar de uma maneira tão gloriosa. Em seguida, "o Senhor tornou a chamá-lo pela terceira vez, e o menino novamente foi até Eli e disse-lhe: — O Senhor me chamou? Estou aqui. Então, o sacerdote Eli entendeu que era a voz do Senhor chamando a Samuel. Então, o sacerdote Eli orientou o menino e disse-Ihe: — Volte para a cama e, se Ele chamar você outra vez, diga: "Fala, ó Senhor, pois o teu servo está escutando!" Depois disso, o menino voltou para sua cama, e o Senhor tornou a falar com ele" (1Sm 3.9,10).
=======fede=====
Da mesma maneira, Deus também quer falar com você, querido adolescente! Muitas vezes você não entende o porquê e perde o sono, deita e não consegue dormir. Se esse é o seu caso, levante-se de sua cama, coloque-se de joelhos e ore a Deus, pois Ele também quer se revelar a você, assim como fez com Samuel. Embora você também nunca tenha ouvido a voz de Deus, não tenha medo, pois o Senhor quer que você tenha intimidade com Ele. Além disso, Ele também quer que você seja um profeta para a sua geração.

AUXÍLIO TEOLÓGICO
O Tabernáculo
Além dos lugares sagrados onde Deus se revelara, um lugar central de adoração passou a existir. Durante o período do Êxodo, ele podia ser melhor descrito como uma tenda-templo, que era a estrutura mais conveniente para o povo que estava viajando ou acampado na região de Cades-Barneia (Nm 13.26; 14.38). Atenda-templo era conhecida como Tabernáculo.

O santuário central era feito de tábuas revestidas de ouro, apoiadas por um sistema de encaixes e pesadas bases de prata firmadas no chão. Isso formava uma estrutura de três lados com trinta cavados (quinze metros) de comprimento e quinze cavados (sete metros) de largura, aberta para o céu em sua extremidade mais estreita a leste. O teto era provido por cortinas de linho branco, bordadas com figuras de querubins, protegidas por várias camadas de pano de saco, peles vermelhas de carneiro e peles de cabra (Êx 26.1-30). No interior, o aposento de 30 cavados (15m) era dividido em dois por uma cortina pendurada em pilares dourados, a fim de criar o Santo dos Santos (5x5x5m) em um Lugar Santo comprido. Uma cortina do mesmo material era pendurada sobre a entrada para impedir que os olhos curiosos vissem o interior (Êx 26.31-36). A Arca da Aliança (Êx 25.10-22) ficava no Santo dos Santos, e a mesa dos pães da proposição (25.23-30), o castiçal de ouro (25.31-40), e o altar do incenso (30.1-10) no Lugar Santo. Do lado de fora da entrada ficava um altar para o sacrifício (27.1-8) e uma pia de bronze para a purificação cerimonial (30.12-21).

Uma característica da religião na área daquela época era que o espaço em volta do santuário ou altar central era santo, assim como o próprio santuário (Êx 3.5). O santuário era então separado do mundo exterior por um grande pátio. O pátio do Tabernáculo tinha cem cavados (50m) de comprimento e cinquenta (25m) de largura, sendo formado levantando uma parede de linho de cinco cavados (2,5m) de altura, suspensa entre colunas douradas. As colunas eram presas por cordas e pregos, e as bases firmadas por pesadas bases de bronze. Na entrada para o pátio havia cortinas finamente bordadas na extremidade estreita a leste (Êx 27.9-19).

O Templo
Quando os judeus se instalaram no território de Canaã, o tabernáculo tomou uma forma mais permanente em Silo (Js 18.1; jz 18.31). Passou a ser permanente o bastante para que viessem a chamá-lo de templo, para que Samuel e Eli morassem nele e para que portas de entrada fossem abertas e fechadas (1Sm 3.2,15). Mesmo depois dos filisteus terem destruído Silo, se apossado da Arca da Aliança e a devolvido aos judeus via Be-te-Semes (1 Sm 6.1-10) e Quiriate-Jearim (1Sm 7.2), ele continuava sendo uma espécie de tenda-templo (2 Sm 6.17); e ficou ali até que Salomão construísse um templo permanente" (GOWER, Ralph. Novo Manual de Usos & Costumes dos Tempos Bíblicos. CPAD, 2012, pp.296-300).

Fala, ó Senhor, que o teu servo está escutando!
Assim que o sacerdote Eli instruiu o menino, Samuel foi se deitar, e o Senhor o chamou como das outras vezes. Então, o menino respondeu e disse: "— Fala, pois o teu servo está escutando! E o Senhor disse ao menino: — Eu vou fazer com o povo de Israel uma coisa tão terrível, que todos os que ouvirem a respeito disso ficarão apavorados!" (1Sm 3.10,11).

Naquela noite, o Senhor revelou ao menino tudo quanto Ele estava planejando fazer com a família de Eli, e isso iria deixar todo o povo de Israel apavorado. Pois, com isso, todo o Israel saberia que Deus não se esquecera do seu povo e que Ele vê tudo o que acontece em oculto, inclusive, observava as coisas más que os filhos de Eli diziam contra o Senhor (1Sm 3.12-14).

Mesmo sendo ainda adolescente, o Senhor também quer falar coisas grandiosas e maravilhosas que você não conhece. Por isso, não tenha medo de ouvir a voz do Senhor. Quando Ele chamar você, diga: "Eu estou aqui, Senhor! Fala que o seu servo ouve!" Ainda que seja algo que você tenha de falar a alguém que não está agradando ao Senhor. A Palavra de Deus diz que o Senhor corrige e castiga todos os que ama (Ap 3.19). Assim, o Senhor Deus ama os seus filhos e quer que todos nós andemos em obediência e santidade na sua presença.

AUXÍLIO DIDÁTICO
Professor, nesse momento da aula, você poderá perguntar aos seus alunos, se eles já tiveram alguma experiência de ouvir a voz de Deus. Mostre a eles que Deus não olha para aparência de ninguém, ou mesmo considera a capacidade humana, a fim de escolher alguém para sua obra. Antes, Deus observa o que se passa dentro do coração do ser humano. Portanto, eles devem estar atentos a voz de Deus, e se o Senhor revelá-los uma Palavra de repreensão, eles não devem temer em falar, pois o Senhor "repreende a todos quanto ama" (Ap 3.19). Explique que ser um profeta de Deus é uma grande responsabilidade, mas também um grande privilégio ser usado pelo Todo-Poderoso. E, para isso, devemos nos manter consagrados a Deus e comprometidos com a verdade. Deus espera que da mesma maneira que somos usados por Ele, também não sejamos encontrados em falta perante Deus. Além disso, é importante que entendam que o propósito da mensagem de Deus é a edificação e o arrependimento. Por isso, devemos tratar nossos irmãos com amor e respeito quando falarmos tudo aquilo que o Senhor nos ordenar.

Samuel, um profeta respeitado em Israel
Tudo quanto Samuel profetizava, o Senhor fazia acontecer porque Deus estava com ele. Assim, o menino cresceu e o Senhor continuou a aparecer a ele em Silo, onde havia falado pela primeira vez, e todo o Israel respeitava a palavra de Samuel, pois todos sabiam que ele era um grande profeta chamado por Deus (cf. l Sm 3.19-21).

Do mesmo modo, o Senhor também quer fazer de você um profeta conhecido, seja na sua igreja, na sua família, na sua escola ou, até mesmo, no seu bairro. Ele deseja usá-lo para que muitos outros adolescentes creiam na Palavra de Deus e se convertam ao Senhor Jesus. Seja como Samuel, busque a presença de Deus, pois "Ele está perto de todos os que pedem a sua ajuda, dos que pedem com sinceridade" (SI 145.18). Peça a Deus que conceda a você mais intimidade com Ele, pois somos seus filhos amados e Ele quer que cresçamos em sua presença, e anunciemos a sua Santa Palavra, aonde quer que Ele nos mandar. Querido adolescente, ouça você também o chamado de Deus!

AUXÍLIO TEOLÓGICO
O oficio do profeta
Esta palavra é derivada do termo grego prophetes, 'aquele que fala sobre aquilo que está por vir [ou adiante]', um proclamador ou intérprete da revelação divina.

Ela geralmente refere-se àquele que age como porta-voz. As vezes, também é sinônimo de 'vidente' ou 'pessoa inspirada', e traz a conotação de um prenunciador ou revelador de eventos futuros. O uso prático determina o sentido em que a palavra deve ser entendida.

Terminologia.
No AT hebraico são encontrados diversas palavras cujo significado preciso deve ser determinado mais pelo uso do que pela etimologia. Entre elas, aquela que ocorre mais frequentemente é nabi.

Várias tentativas foram feitas por estudiosos para descobrir o significado etimológico dessa palavra, porém os resultados não foram satisfatórios. Entretanto, sua utilização comum mostra a força que possui. Dessa forma, em Deuteronômio 18.18b, Deus afirma que o profeta (nabi) declarará tudo que Ele lhe ordenar. Novamente, em Êxodo 4.15,16; Jeremias 1.17a; 15.19 etc. Em todas elas, e na verdade através de todo o AT, a palavra nabi aparece como aquele que declara uma mensagem em nome de um superior" (Dicionário Bíblico Wycliffe. CPAD, 2010, p.1607).

Conclusão
Que possamos aprender com a vida de Samuel que, mesmo sendo um menino, procurou ouvir a voz de Deus. Embora o temor da responsabilidade de ser um profeta de Deus venha ao nosso coração, podemos ser confiantes em dizer: "Fala, ó Senhor, pois o teu servo está escutando!" Creia, pois Ele também tem um chamado em sua vida e quer usá-lo poderosamente. Mesmo que pareça difícil, e a mensagem que Deus lhe mostrar não seja tão agradável assim, seja corajoso; Ele é fiel para cumprir o que diz e, certamente, o honrará se você também for fiel e obediente em tudo quanto o Senhor ordenar. Querido adolescente! Ouça você também o chamado de Deus!

Recapitulando
Samuel era apenas uma criança quando o Senhor o chamou. Ele morava na Tenda Sagrada, onde estava a Arca da Aliança. Todos os dias, ele ajudava Eli na adoração a Deus, o Senhor. Certa noite, Deus apareceu a Samuel e o chamou pelo nome. Embora Samuel não conhecesse o Senhor, grande era o chamado de Deus para aquele menino.

Vemos nessa história que Samuel aprendeu muitas coisas com o sacerdote Eli; porém, quando o Senhor lhe apareceu e revelou o que faria com a família do sacerdote, mesmo com medo, o menino contou a Eli toda a verdade vinda da parte de Deus. Desse modo, aprendemos que ser profeta de Deus é uma grande responsabilidade, mas também um privilégio, pois Deus nos honra e faz cumprir tudo aquilo que Ele nos ordena a dizer. Caro adolescente, não despreze o chamado de Deus, seja você também um canal de bênçãos para a vida de muitas pessoas, não tenha medo, "Pois sabemos que todas as coisas trabalham juntas para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles a quem ele chamou de acordo com o seu plano" (Rm 8.28). Obedeça ao chamado de Deus!

Refletindo
1. O que fez Samuel quando Deus o chamou pela primeira vez? 
R: Samuel correu até Eli e o perguntou se havia lhe chamado.

2. O que fez Samuel ao se levantar pela manhã, quando Eli o chamou?
R: Samuel declarou ao sacerdote Eli que sua família seria castigada por causa das coisas más que os seus filhos disseram contra o Senhor.

3. Deus já falou com você a respeito do seu chamado?

 
Top