Subsídios Bíblico – Veja o Vídeo

Patrício – Apóstolo da Irlanda

Uma das histórias mais belas dos primeiros séculos da Era Cristã é a de Patrício (386- 493), um celta britânico que foi usado por Deus, no século V, para levar os irlandeses a Cristo. Nascido em uma região que viria a se tornar Gales, ele foi levado aos 16 anos para a Irlanda como escravo. Seis anos depois, conseguiu fugir para sua terra natal.

Porém, nesse período, encontrou a Cristo e, então, agora como um crente em Jesus, resolveu voltar para a Irlanda para pregar Cristo aos seus antigos algozes. O resultado foram centenas de vidas a Cristo, que, por sua vez, ganharam muitas outras, levando a maioria esmagadora dos irlandeses a Cristo.

Aos pagãos irlandeses convertidos, Patrício ensinou as doutrinas fundamentais da fé cristã usando, muitas vezes, elementos do dia-a-dia para ilustrar essas verdades, como no caso da Doutrina da Trindade.
O exemplo clássico é o seu uso do trevo para ilustrar a Doutrina da Trindade, isto é, como Deus é três e um ao mesmo tempo, daí a razão pela qual o trevo se tomou um símbolo da cultura irlandesa até hoje.

Apesar de Patrício nunca ter tido contato com a Igreja Católica Romana, esta acabou usurpando o seu nome muitos anos depois da sua morte. Patrício e seu trabalho evangelístico nunca tiveram apoio de Roma ou mesmo contato com ela.
A Igreja Católica só chegou à Irlanda muitíssimo depois da morte de
Patrício. Além disso, os primeiros cristãos na cidade natal de Patrício, na costa oeste da Grã-Bretanha, haviam recebido a Cristo como fruto da pregação da fé cristã de seus pais e avós que, muitos anos antes, haviam sido alcançados pela evangelização da Igreja Primitiva.

Ao chegar à Irlanda, a igreja romana canonizou Patrício e começou a ensinar aos cristãos irlandeses que a doutrina de seu antigo mestre era, em tudo, a mesma da igreja romana, quando, na verdade, a maior parte da doutrina de Patrício se assemelhava mais com o cristianismo primitivo e a doutrina de grupos pré-reformadores, como os valdenses.
Tornado por Roma padroeiro da Irlanda, Patrício é até hoje celebrado pelos irlandeses de todo mundo em paradas no dia 17 de março, o chamado "Dia de São Patrício".

Um dos poucos escritos de Patrício que ficou para a posteridade traz o seguinte testemunho do "Apóstolo da Irlanda": "Eu sou Patrício, um pecador, o mais inculto, o menor de todos os fiéis, e supremamente desprezado por muitos.
Meu pai foi Calpornius, filho de Potitus, um pastor da vila Bannavem Taburni. Ele tinha uma pequena propriedade rural nos arredores da vila, e de lá eu fui levado cativo. Na ocasião, eu tinha cerca de 16 anos de idade. Não conhecia o verdadeiro Deus. Fui levado em cativeiro para a Irlanda, com muitos milhares de pessoas - e isto merecidamente, porque nós tínhamos virado as costas e nos afastado de Deus, e não guardávamos Seus mandamentos, e não obedecíamos nossos pregadores, que costumavam nos falar a respeito da nossa salvação. E o Senhor trouxe sobre nós o furor da Sua ira e nos espalhou entre muitas nações, mesmo até as mais longínquas partes da terra, onde agora minha pequenez está colocada entre estrangeiros. E ali o Senhor abriu o senso da minha descrença para que eu pudesse finalmente lembrar meus pecados e ser convertido com todo meu coração ao Senhor meu Deus, o qual tinha atentado para minha abjeção, e teve misericórdia da minha juventude e ignorância, e olhou por mim, guardando-me antes que eu O conhecesse, e antes que eu fosse capaz de diferenciar entre bem e mal, e me guardou, e me confortou como o faria um pai ao seu filho. Portanto, eu não posso ser silente - nem, na verdade, isto é expediente - a respeito dos grandes benefícios e da grande graça a qual o Senhor tem se dignado conceder-me na terra do meu cativeiro; por isso nós podemos dar a Deus em retribuição, depois de ter sido castigados por Ele, o exaltar e louvar Suas maravilhas, ante toda nação que existe em qualquer parte sob o céu".


Fonte: Silas Daniel, Ensinador Cristão, n° 50 - CPAD

Seja Nosso Parceiro (a)
Ajude-nos a continuarmos postando de GRAÇA lições, subsídios da Escola Dominical e Estudos Bíblicos para o Povo de Deus. Clique AQUI e saiba como.
Subsídios ebd o blog do professor e do aluno EBD